Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Em S.Bernardo, paciente espera por cirurgia há quase dois anos

Segundo a doméstica, há encaminhamento dos médicos da UBS da Vila Euclides


Maíra Sanches
Do Diário do Grande ABC

27/06/2012 | 07:00


Desde setembro de 2010 a doméstica Maria de Jesus Dionísio, 41 anos, aguarda por cirurgia para retirada de pedra da vesícula no Hospital de Ensino Anchieta, em São Bernardo. De acordo com a paciente, há encaminhamento dos médicos da UBS (Unidade Básica de Saúde) da Vila Euclides.

A demora para realizar o procedimento, segundo a paciente, tem provocado reações adversas. "Tive até crises de pancreatite. Fiz outras duas cirurgias nesse período, mas para essa não me chamam", conta. A patroa de Maria acompanhou os maus dias causados pelas dores regulares. "O médico já disse que está afetando outros órgãos, mas não dão nem previsão de espera", afirma Bernadete Pediadidakis, 57. Nestes casos, os sintomas mais comuns são cólicas abdominais, que surgem principalmente após as refeições.

Segundo a paciente, ela chegou a ser encaminhada para o Hospital Estadual Serraria, em Diadema, mas retornou à fila de espera do hospital de São Bernardo. Procurada pela Diário, a Prefeitura não explicou o motivo da demora e informou ontem que a cirurgia foi marcada para dia 5.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Em S.Bernardo, paciente espera por cirurgia há quase dois anos

Segundo a doméstica, há encaminhamento dos médicos da UBS da Vila Euclides

Maíra Sanches
Do Diário do Grande ABC

27/06/2012 | 07:00


Desde setembro de 2010 a doméstica Maria de Jesus Dionísio, 41 anos, aguarda por cirurgia para retirada de pedra da vesícula no Hospital de Ensino Anchieta, em São Bernardo. De acordo com a paciente, há encaminhamento dos médicos da UBS (Unidade Básica de Saúde) da Vila Euclides.

A demora para realizar o procedimento, segundo a paciente, tem provocado reações adversas. "Tive até crises de pancreatite. Fiz outras duas cirurgias nesse período, mas para essa não me chamam", conta. A patroa de Maria acompanhou os maus dias causados pelas dores regulares. "O médico já disse que está afetando outros órgãos, mas não dão nem previsão de espera", afirma Bernadete Pediadidakis, 57. Nestes casos, os sintomas mais comuns são cólicas abdominais, que surgem principalmente após as refeições.

Segundo a paciente, ela chegou a ser encaminhada para o Hospital Estadual Serraria, em Diadema, mas retornou à fila de espera do hospital de São Bernardo. Procurada pela Diário, a Prefeitura não explicou o motivo da demora e informou ontem que a cirurgia foi marcada para dia 5.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;