Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

SP: motoristas de ônibus ameaçam entrar em greve na 2ª


Do Diário OnLine
Com Agências

28/05/2004 | 10:52


O Sindicato dos motoristas e cobradores de ônibus realiza assembléia nesta sexta-feira no Parque Dom Pedro, região central de São Paulo. Os trabalhadores que operam na Zona Leste ameaçam uma paralisação de pelo menos nove horas na segunda-feira.

Os sindicalistas protestam a decisão da prefeitura da cidade de transferir algumas linhas de ônibus de uma empresa da região para perueiros e cooperativas. Além disso, eles querem impedir a demissão de 1.500 trabalhadores.

O sindicato da categoria participa nesta sexta de uma reunião na Delegacia Regional do Trabalho. Segundo informações da Rádio CBN, o diretor jurídico do sindicato da categoria, Geraldo Diniz da Costa, informou que haverá licitação para a operação de 580 ônibus, de uma frota total de 750 ônibus que circulam atualmente.

Costa afirmou ainda que os trabalhadores não vão aceitar a demissão e nem mesmo a divisão dos funcionários em várias empresas e garagens.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

SP: motoristas de ônibus ameaçam entrar em greve na 2ª

Do Diário OnLine
Com Agências

28/05/2004 | 10:52


O Sindicato dos motoristas e cobradores de ônibus realiza assembléia nesta sexta-feira no Parque Dom Pedro, região central de São Paulo. Os trabalhadores que operam na Zona Leste ameaçam uma paralisação de pelo menos nove horas na segunda-feira.

Os sindicalistas protestam a decisão da prefeitura da cidade de transferir algumas linhas de ônibus de uma empresa da região para perueiros e cooperativas. Além disso, eles querem impedir a demissão de 1.500 trabalhadores.

O sindicato da categoria participa nesta sexta de uma reunião na Delegacia Regional do Trabalho. Segundo informações da Rádio CBN, o diretor jurídico do sindicato da categoria, Geraldo Diniz da Costa, informou que haverá licitação para a operação de 580 ônibus, de uma frota total de 750 ônibus que circulam atualmente.

Costa afirmou ainda que os trabalhadores não vão aceitar a demissão e nem mesmo a divisão dos funcionários em várias empresas e garagens.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;