Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Contrastes marcam fase do Santo André


Divanei Guazzelli
Do Diário do Grande ABC

21/02/2001 | 00:16


O Santo André ainda faz uma campanha de contrastes na Série A-2 do Campeonato Paulista. Apesar da boa colocação – quarto lugar, com nove pontos ganhos, a somente dois do vice-líder Bragantino numa competição que promove dois times para a A-1 –, a equipe do Grande ABC apresenta diferenças marcantes entre os setores defensivo e ofensivo. A defesa sofreu somente quatro gols e é a segunda melhor do campeonato, pois perde somente para a do América, que levou três gols. O ataque, porém, divide com o Comercial, último colocado, a condição de pior do A-2 até agora: somente quatro gols marcados, dois feitos em cobranças de pênaltis, por Nei Júnior e Jajá. Nei Júnior e Alexandre marcaram os outros gols. O melhor setor ofensivo do campeonato, depois de cinco rodadas, é o do Juventus, com 13 gols, próximo adversário do time da região, dia 4 de março, no estádio Bruno Daniel.

Por isso, não é sem razão que o técnico Vágner Benazzi acha importante “uma vitória dilatada” para que o Santo André não apenas se reabilite da derrota para o Araçatuba, domingo, como também impulsione a própria campanha. Um dos objetivos para estimular o time foi obtido há uma semana: o 1 a 0 sobre o Etti Jundiaí, no estádio Jaime Cintra, em Jundiaí.

O ataque iniciou as três primeiras partidas da A-2 com Jajá e Nei Júnior. Na quarta, contra o Etti, Benazzi escalou Humberto e Jajá no setor, com a aproximação do meia Moreno. No jogo contra o Araçatuba, ocorreu a volta à formação original, com Jajá e Nei Júnior desde o começo da partida. Contra São José e América, nas duas primeiras rodadas, o treinador não recorreu a substituições no ataque. Nas outras partidas, ele utilizou parcialmente Alexandre e Fábio Reis.

Sem rodada do acesso no Carnaval, o Santo André mantém a programação de treinamentos. O time faz amanhã à tarde, no Bruno Daniel, jogo-treino com o Comercial, de Registro, da Série B-2. O meia Sandoval poderá atuar entre os titulares, pois contra o Juventus, Benazzi deverá ficar sem Edson Pezinho, expulso em Araçatuba.

O diretor de futebol remunerado, Sérgio do Prado, deixou o Santo André ontem, em razão de motivos particulares, depois de cerca de oito anos de trabalho no setor profissional. Ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol (FPF), ele também foi supervisor e gerenciou o setor.

Os jogos da sexta rodada, além de Santo André x Juventus, serão Nacional x Ituano, dia 3 (sábado), em São Paulo; Comercial x Etti Jundiaí, em Ribeirão Preto; São José x América, em São José dos Campos; Mirassol x Araçatuba, em Mirassol; Olímpia x Bragantino, em Olímpia; Sãocarlense x Francana, em São Carlos, e Rio Preto x Paraguaçuense, em São José do Rio Preto, todos no dia 4.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;