Editorial Titulo
Palavra do leitor - 20 de maio de 2024
Camila Pergentino
19/05/2024 | 19:37
Compartilhar notícia


Mulheres

A força das mulheres andreenses não tem limites. A entrevista do Diário com a ministra da Mulher, Aparecida Gonçalves, deixou isso claro (Política, dia 13). Santo André tem 52% da população formados por mulheres, que, no meu entender, são a força de trabalho social e familiar. Verdadeiras guerreiras que devem participar das próximas eleições municipais, tendo em vista que têm representatividade na esfera partidária, o PMB (Partido da Mulher Brasileira). Você, mulher, é vencedora. Com o seu apoio e o de seus familiares, com certeza decidirão as eleições de prefeitos e vereadores. Basta escolher pré-candidatos adequados à sua preferência para representá-las por meio de projetos que visem o atendimento de suas necessidades, como educação, saúde, segurança, cultura e esportes. Sinto-me fortalecido porque sempre apoiei a necessidade de as mulheres terem um partido político próprio para que pudessem ter representatividade, de fato e de direito, na gestão administrativa das cidades. Partido este que defenderá seus direitos e os de seus familiares; Entendo que em Santo André, a política precisa de sua força para apoiar os melhores candidatos, aqueles que possuam intimidade com a cidade e responsabilidade política, além de estrutura familiar e social. Particularmente, espero que as mulheres sejam, junto com a força política das famílias, vitoriosas em suas escolhas.


Euclides Marchi

Santo André


Mauá

O ex-prefeito Atila Jacomussi tenta polarizar com o atual, Marcelo Oliveira, para espantar os outros candidatos ao Paço e a enorme rejeição. No sábado, dia 11, na feira do maior colégio eleitoral, no Jardim Zaíra, não conseguiu realizar sua oratória para o público presente e foi hostilizado com gritos de ‘mentiroso’ pela população. Por causa das fake news feitas em suas redes sociais, alegando que trouxe R$ 1,5 milhão mensais para o Hospital Nardini. Todos sabem que o deputado estadual e ex-mandatário não trouxe nada de emendas parlamentar para a cidade de Mauá. 


Eduardo Furtado

Mauá


Gasto público

Tem alguma chance de dar certo governo que gasta 90% do orçamento com despesas obrigatórias? E quais são? Salário do pessoal, pensões, aposentadorias, programas como seguro desemprego, benefício a idosos, bolsa família, além das maltratadas educação e saúde. E os 10% vão para investimentos, subsídios e créditos favorecidos a diversos setores. Chegou a hora que o governo mais gosta, gastar. Mas qual dinheiro? Acho que a volta da PTbras nas mãos de Lula vai fazer o milagre dos pães. E se faltar pães, tiram-se dos 10% restantes. Nenhuma família sairia do vermelho comprometendo 90% da sua receita, mas o caixa do Brasil é imenso e sem fundo. E a continuar o Congresso agradando ao presidente, o Brasil vai para o buraco de vez.


Izabel Avallone

Capital


Técnico de enfermagem

Hoje é o Dia Nacional do Técnico de Enfermagem. E nós, do Instituto Ipes, cumprimentamos a senhora Regiane Ferreira Santos da Silva pela valiosa colaboração em suas atividades laborais, exercendo-as com ética, acolhimento, respeito, carinho e muito amor. Deus a abençoe rica e abundantemente.


Wilma Maria Moraes


Santo André



Moda

Achei totalmente dispensável o comentário da leitora Tania Tavares (Olimpíada, dia 16) a respeito dos uniformes da delegação brasileira relacionados com Paris, a capital da moda. Até porque o objetivo é disputar as olimpíadas e não desfilar em Paris. Em todo caso, opinião cada um tem a sua.


Walmir Ciosani


São Bernardo





Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;