Esportes Titulo
Portuguesa vence o Mirassol, se livra do rebaixamento e garante vaga na Série D de 2025
Por
02/03/2024 | 20:37
Compartilhar notícia


A Portuguesa vai ter um calendário completo para 2025. O jogo foi encarado como uma final, uma vez que o time poderia garantir tanto a permanência na elite do Campeonato Paulista, quanto uma classificação para a Série D do Campeonato Brasileiro. E foi o que aconteceu. Com gol de Maceió, o time da capital superou o Mirassol por 1 a 0, no Canindé, neste sábado, pela 11.ª e penúltima rodada do Campeonato Paulista.

O futebol paulista tem direito a quatro vagas na Série D. Três delas são definidas pelos três melhores times no Paulistão: Inter de Limeira e Água Santa já garantiram a classificação de forma antecipada. A quarta vaga será disputada na Copa Paulista, competição que será disputada no segundo semestre. Agora a Portuguesa soma 10 pontos e está na vice-liderança do Grupo A e pode chegar às quartas de finais. Já o Mirassol é o terceiro do Grupo C, com 14 pontos.

O duelo começou animado. No início do jogo, o artilheiro do campeonato Dellatorre assustou em cabeçada por cima do gol, mas quem marcou mesmo foi a Portuguesa. Com quatro minutos, após cruzamento de Eduardo Diniz, a bola sobrou para Maceió, que encheu o pé para abrir o marcador. O que se esperava de um jogo movimentado, foi perdendo a intensidade.

Com a vantagem, a Portuguesa se concentrou na defesa e pouco se expôs para explorar o contra-ataque. O Mirassol, por sua vez, tinha mais posse de bola, porém pecava na hora das tomadas de decisões. Na reta final, os visitantes abusaram do jogo aéreo, sempre em busca do atacante Dellatorre, que não conseguiu se desvencilhar da defesa dos donos da casa.

Na segunda etapa, o panorama se manteve. O Mirassol atacando e a Portuguesa se defendendo. Rondando a área, os visitantes não conseguiam penetrar dentro da área para finalizar. Quando encontrou espaço, Danielzinho mandou para fora. Os donos da casa até conseguiram encaixar algumas jogadas de contra-ataque. Na melhor delas, Paraizo recebeu em boas condições, mas parou no goleiro Muralha.

Com o passar do tempo, o Mirassol resolveu ir para o tudo ou nada. Sem paciência para trocar passes, o time começou a arriscar mais. Paulinho Baía e Delatorre pararam no goleiro Thomazella. Até o apito final, o que se viu foi o Mirassol abusando de lançamentos longos e a Portuguesa afastando o perigo para o mais longe possível de sua área.

Na última rodada, a Portuguesa visita o Novorizontino, no estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte. Já o Mirassol recebe o São Bernardo, no estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol. Todos os jogos da 12.ª rodada serão disputados no próximo domingo, dia 10, de forma simultânea às 16h00.

FICHA TÉCNICA:

PORTUGUESA 1 X 0 MIRASSOL

PORTUGUESA - Thomazella; Robson, Marco Antônio e Yeferson Quintana (Diogo Silva); Talles, Tauã, Ricardinho (Zé Ricardo), Giovanni Augusto (Rone) e Eduardo Diniz; Maceió (Chrigor) e Henrique Dourado (Paraizo). Técnico: Pintado.

MIRASSOL - Alex Muralha; Rodrigo Ferreira (Wesley Santos), Lucas Gazal, Luiz Otávio e Warley (Marcelo); Danielzinho (Diego Gonçalves), Gabriel e Chico Kim; Fernandinho (Paulinho Bóia), Dellatorre e Negueba (Isaque). Técnico: Mozart.

GOL - Maceió, aos cinco minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Maceió, Giovanni Augusto e Talles (Portuguesa). Negueba, Wesley Santos e Rodrigo Ferreira (Mirassol).

ÁRBITRO - João Vitor Gobi.

RENDA - R$ 119.860,00

PÚBLICO - 3.334 torcedores

LOCAL - Canindé, em São Paulo (SP).




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;