Esportes Titulo
Santos quita dívida com ex-técnico Fabián Bustos e espera fim de punição da Fifa
23/02/2024 | 19:22
Compartilhar notícia


O Santos quitou, nesta sexta-feira, a dívida que tinha com o ex-treinador argentino Fabián Bustos ao depositar, na conta do técnico, a cifra de R$ 4,7 milhões. Com a regularização da pendência, o clube aguarda agora o encerramento do transfer ban aplicado pela Fifa para poder voltar a contratar e registrar atletas.

O comunicado da quitação foi divulgado no site oficial do Santos. O Departamento Jurídico do clube já enviou os comprovantes do pagamento para a Fifa e aguarda a resposta da entidade para o encerramento da punição administrativa.

Fabián Bustos dirigiu o Santos em 2022 e moveu uma ação contra o clube. No recurso, o treinador cobrou na Justiça valores referentes ao tempo de contrato que ainda tinha a cumprir após a demissão. O período era de julho do mesmo ano até dezembro de 2023.

O site do clube informou ainda que o valor inicial da pendência era de R$ 6 milhões. A diretoria negociou uma redução e conseguir diminuir o valor pago ao técnico argentino em R$ 1,3 milhão.

Nesta semana, o presidente do Santos, Marcelo Teixeira, afirmou que a realidade financeira do clube é preocupante. De acordo com o dirigente, a atual gestão herdou um rombo de R$ 65 milhões.

Fora da elite nacional, o Santos teve uma diminuição de cotas por estar na Série B do Campeonato Brasileiro. Para ajustar a folha de pagamento do futebol, a diretoria estipulou um teto salarial estimado em R$ 350 mil.

Já sobre o jogo deste domingo, o Santos conseguiu um novo lote de ingressos para a partida com o São Bernardo. Após negociação entre os presidentes Julio Casares e Marcelo Teixeira, o clube conseguiu uma carga extra de mil ingressos. Serão 500 bilhetes de cadeira superior especial Leste/Azul e 500 de cadeira superior especial Oeste/Vermelha.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;