Economia Titulo
BNDES aprova R$ 88,5 milhões para expansão da internet de banda larga na PB e no RN
Por
23/02/2024 | 17:30
Compartilhar notícia


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 88,5 milhões, com recursos do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust), para a Proxxima Telecomunicações instalar cerca de mil quilômetros de rede de fibra óptica em 24 municípios do Rio Grande Norte e da Paraíba.

É a primeira operação do Fust aprovada para o Nordeste. O fundo, com recursos geridos pelo BNDES, tem como finalidade estimular o acesso às telecomunicações para permitir a expansão do acesso à internet em banda larga fixa e móvel, com qualidade e velocidade adequadas, e a ampliação do acesso à internet em banda larga em áreas onde a oferta seja inadequada, como áreas urbanas desatendidas, rurais ou remotas.

A infraestrutura permitirá a ampliação da internet de banda larga na região e a melhoria da qualidade dos serviços de telecomunicações. As redes de transporte de alta capacidade que serão construídas devem melhorar todo o ecossistema de telecomunicações e internet em municípios prioritários, segundo critérios definidos pelo Ministério da Agricultura e Pecuária, em conjunto com o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, incluindo áreas rurais nos dois Estados.

Já as redes de acesso previstas no projeto propiciarão acesso à internet em fibra óptica a uma população de mais de 340 mil habitantes.

"Esse investimento garantirá o acesso a tecnologias de conectividade, fundamentais para reduzir as desigualdades regionais e promover o desenvolvimento econômico e social de municípios da Paraíba e do Rio Grande do Norte", disse em nota o diretor de Desenvolvimento Produtivo, Inovação e Comércio Exterior do BNDES, José Luis Gordon.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;