Setecidades Titulo Direito do consumidor
Divergência em fatura é a principal queixa no Procon Móvel em Diadema

Instituição de defesa do consumidor esclareceu dúvidas e registrou reclamações dos moradores; posto itinerante amplia acesso da população ao serviço municipal

Por Da Redação
23/02/2024 | 11:20
Compartilhar notícia
FOTO: André Baldini/PMD


Entre os atendimentos realizados pelo Procon Diadema no bairro Eldorado, nesta sexta-feira (16/2), a maioria está relacionada a divergência no valor da fatura de serviços essências e comércio varejista. No total, 60 pessoas passaram pelo posto itinerante. Dessas, 35 receberam orientações quando às queixas de consumo e sete geraram Carta de Informação Preliminar (CIP), que é o documento inicial para que a reclamação seja solucionada. Em relação às CIPs, a principal reclamação foi sobre comércio varejista, seguida por instituições financeiras.

A equipe formada por especialistas do direito do consumidor ainda distribuiu material informativo e esclareceu dúvidas da população.
O Procon Móvel é uma parceria entre a Prefeitura e a Fundação de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) do Estado de São Paulo. Esta é a primeira vez, em 2024, que o ônibus da Fundação vem à Diadema. Em 2023, foram realizadas seis edições.

Em 2023, dos 3.620 atendimentos realizados pela equipe do Procon, 68% (2.462) geraram Carta de Informação Preliminar (CIP), tipo de documento inicial para que a reclamação seja solucionada, e 15% (560) foram simples consultas sobre os direitos do consumidor.

A sede do Procon fica na região central da cidade e para ser atendimento é preciso ser morador de Diadema ou funcionário da municipalidade. O serviço está ligado à Secretaria Municipal de Assuntos Jurídicos e funciona de forma gratuita, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

A orientação é levar para o atendimento original e cópia de documento pessoal, comprovante de endereço e também aqueles relacionados à reclamação que deseja fazer, como notas fiscais, contas e/ou extratos de cobrança, registro de conversa ou tentativa de negociação com a empresa. 




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;