Setecidades Titulo Santo André
Unidade de Saúde S.Jorge deve abrir portas em março

Em vistoria, Paulo Serra cita fase final das obras de reforma do equipamento em Santo André

Por Gabriel Gadelha
Especial para o Diário
21/02/2024 | 19:56
Compartilhar notícia
André Henriques/DGABC


O prefeito de Santo André, Paulo Serra, espera entregar até março a US (Unidade de Saúde) Cidade São Jorge. O tucano vistoriou ontem as obras, que integram o pacote do programa QualiSaúde, de modernização dos equipamentos públicos municipais.

As intervenções tiveram início em novembro de 2022 em um prédio que, por ser antigo, demandava reestruturação profunda. “Antigamente era um muro fechado, muitas pessoas passavam e não sabiam o que era. Agora, inserimos esta unidade no próprio bairro, uma cara totalmente nova que é o padrão QualiSaúde.” 

De acordo com Paulo Serra, obras devem durar mais 45 dias.

Durante o período das reformas, os atendimentos da unidade foram transferidos para o CEU (Centro Educacional Unificado) Jardim Marek. As intervenções realizadas vão desde a troca do telhado até o piso, pintura geral, reorganização de fluxos e requalificação de espaços internos. 

Também foram resolvidos problemas hidráulicos e de caixilharia das portas e janelas para aprimorar a segurança da unidade

O investimento totaliza R$ 2,4 milhões. Desse valor, 80% (equivalente a R$ 2 milhões) vêm do governo estadual, enquanto os restantes 20% (R$ 400 mil) são financiados pelo município.

Segundo o secretário de Saúde, Gilvan Junior, ao final das obras, a unidade atenderá 5.000 pessoas por mês.

Na visita, Paulo Serra indicou os próximos passos da gestão no âmbito da saúde. “Temos prioridade neste primeiro semestre de entregar as unidades que começamos”, disse, em referência ao Centro Saúde Escola, no Capuava, as unidades da Vila Guiomar, do Jardim Ana Maria, do Jardim Sorocaba, bem como a revitalização do Hospital da Mulher.

A reforma da Unidade de Saúde Cidade de São Jorge marcou o retorno do programa QualiSaúde, que ficou paralisado por quase dois anos devido à pandemia da Covid-19. 

A US atendia, em média, 420 pessoas por dia e a expectativa é que essa capacidade aumente após a obra.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;