Esportes Titulo
Atacante Marcos Leonardo, do Santos, vai se juntar a Endrick e Vitor Roque no futebol europeu
20/11/2023 | 17:04
Compartilhar notícia


O atacante Marcos Leonardo, do Santos, tem tudo encaminhado para deixar o clube ao fim desta temporada e se transferir para a Roma, da Itália, independentemente da posição do time no Brasileirão - o clube corre risco de queda para a Série B ainda. É o que diz Rafaela Pimenta, empresária do jogador de 20 anos e um dos artilheiros do Santos na temporada, ao site italiano Calcio Mercato. O jogador esteve perto de ser negociado no meio do ano com o futebol europeu, mas acabou ficando no time alvinegro para a disputa do Campeonato Brasileiro.

"Já na última janela de transferências, o Marcos tinha a possibilidade de ser vendido, mas a situação esportiva do Santos era muito particular. Ele aceitou ficar porque queria ajudar até o fim do campeonato, não queria sair porque não era o certo. Mas chegou a hora da transferência. Ele quer ter uma experiência europeia e sua hora chegará neste inverno (europeu)", disse Rafaela Pimenta.

O Santos perde muito sem o jogador no ataque. Marcos Leonardo é mais uma das jovens promessas do futebol brasileiro a se transferir para o futebol europeu ainda muito novo. Ele segue os passos de Vítor Roque, do Athletico-PR, que foi vendido ao Barcelona por 74 milhões de euros, cerca de R$ 400 milhões, e de Endrick, revelação do Palmeiras que vai deixar o clube alviverde em julho do ano que vem rumo ao Real Madrid, por R$ 408 milhões.

Marcos Leonardo chegou a negociar com a Roma, do técnico José Mourinho, no meio do ano e ficou sem treinar no Santos até que a situação fosse resolvida. Como as partes não chegaram a um acordo, já que o clube italiano desejava uma saída imediata do atleta, o atacante se reapresentou e vem liderando o clube na luta para permanecer na Série A do Brasileirão. Na mesa, o clube praiano tinha 12 milhões de euros. Essa proposta deve ganhar mais 3 milhões de euros. Pessoas que cuidam da carreira do jogador já adiantaram que ele não permanecerá na Vila.

No meio da temporada, inclusive, o camisa 9 foi liberado pela diretoria santista para a disputa do Mundial Sub-20 com a seleção brasileira, na Argentina. Marcos Leonardo marcou cinco gols nas cinco partidas que disputou no torneio, mas viu o Brasil ser eliminado nas quartas de final para Israel, com derrota por 3 a 2 na prorrogação.

No período em que ficou sem seu principal jogador, por causa da disputa do Mundial Sub-20, o Santos disputou oito partidas e venceu apenas duas, contra Cruzeiro e Vasco, dois times que também brigam contra o descenso. Além disso, foram outras duas derrotas e quatro empates, um deles que culminou na eliminação do time na Copa do Brasil, contra o Bahia.

A saída iminente de Marcos Leonardo é uma notícia ruim para o torcedor santista, pelo menos do ponto de vista desportivo. O atacante é o artilheiro do time nesta edição do Campeonato Brasileiro, com 13 gols marcados, e a principal esperança na luta contra o rebaixamento para a Série B. Para efeito de comparação, o segundo maior goleador da equipe na disputa é Stiven Mendoza, que balançou as redes seis vezes. No ano, são 21 gols marcados com a camisa do Santos e outras quatro assistências.

Em compensação, o Santos terá mais dinheiro, outro problema do clube nesta temporada. O valor total da venda equivaleria a R$ 80 milhões. Com contrato renovado até 2026, o clube tem direito a 70% do valor da venda. Os outros 30% pertencem ao jogador. Sua multa rescisória é de 100 milhões de euros, mais de R$ 500 milhões. Quem vai aprovar a venda do jogador é o novo presidente santista, cujas eleições estão marcadas para 9 de dezembro, três dias depois do término do Brasileirão.

Como esse vínculo do jogador com o Santos vai até o fim de 2026, deve haver uma compensação financeira para a transferência imediata para o futebol italiano. O bom desempenho do atacante neste segundo semestre levou o seu nome a ser cogitado na seleção brasileira principal. A Roma não era a única equipe interessada no jogador, o Newcastle, da Inglaterra, e o Real Madrid, da Espanha, chegaram a fazer sondagens.

O camisa 9 vai jogar até a última rodada da temporada, entrará de férias e depois espera se acertar com a Roma. O Santos é o 14º colocado, com 42 pontos, quatro a mais do que o Bahia, o primeiro time dentro da zona de rebaixamento. O próximo compromisso do clube na competição é diante do Botafogo, em duelo marcado para domingo, às 16h, no Engenhão, pela 35ª rodada.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;