Memória Titulo Memória do Grande ABC
O livro aberto de São Caetano. Roubaram o livro. Era de bronze

O livro ficava na Praça Cardeal Arcoverde. Trazia os nomes dos líderes autonomistas de 1948. Foram duas inaugurações, como relatou “Memória” em sua edição de 28 de outubro de 2009

Ademir Medici
27/10/2023 | 06:00
Compartilhar notícia


Quem inaugurou o livro de páginas abertas original foi o prefeito Raimundo da Cunha Leite, em 1978. Numa das reformas da praça, o livro desapareceu.
“Memória” cobrou do prefeito José Auricchio um novo livro. E o prefeito inaugurou a obra em 2009 com os nomes de 95 autonomistas. E este novo livro também sumiu, sem deixar vestígios.

Auricchio, novamente prefeito, tem a missão de fazer um terceiro livro. Parece que o fará, usando cerâmica, que foi matéria-prima importante da indústria são-caetanense.

Que assim seja, mas que o livro dos autonomistas volte a ser aberto, preferencialmente neste ano em que a cidade celebra os 75 anos de autonomia: 1948-2023.

PERGAMINHO. Na arte do infografista Agostinho Fratini, os dois primeiros livros da autonomia, cujas imagens Memória publicou em 28 de outubro de 2009

DIARIO HÁ 30 ANOS

Quarta-feira, 27 de outubro de 1993 – ano 36, edição 8528

MANCHETE – Fita comprova ação de Alves em corrupção.
João Alves, deputado federal (PPR-BA), acusado de participante na gangue do Congresso há pelo menos sete anos.
Sobre o tema, o jornalista Eduardo Camargo escrevia: “Corrupção enfraquece o Congresso”.

NEGÓCIOS – A Coop ainda era Cooperhodia e entrava no ramo de seguros, em parceria com a Indiana Seguros. A notícia era dada por Guido Levy Corrêa, assessor jurídico da Cooperhodia.

POP STAR – Celso Luiz fotografava a cama que Madonna iria ocupar em hotel de São Paulo. A cantora chegaria em 1º de novembro. Faria show dois dias depois no Morumbi. “Aguarda-se Madonna desesperadamente”, estampava em manchete no caderno “Cultura e Lazer” o jornalista Marcelo Mazuras.

NOTA – Trinta anos depois, Marcelo continua na luta, desenvolvendo trabalhos jornalísticos e documentais em várias mídias na sua São Paulo.
Marcelo Mazuras lembra que a reportagem do Diário invadiu literalmente o hotel para fotografar os aposentos destinados à Madona. Nosso ex-colega só não lembrava o nome do fotógrafo que o acompanhou. Foi o Celso Luiz, Marcelo, que permanece conosco no Diário.

HOJE

Dia do Engenheiro Agrícola

Santo Elesbão, 27 de outubro

NAS ONDAS DO RÁDIO
Grande ABC e Você
Finados. Reflexão. Respeito. Gratidão.
Produção e apresentação: José Carlos Pereira, que fez história na Publicidade do Diário. Consultora musical: Marilza Cunha Pereira. Amanhã, sábado, 7h. Rádio ABC AM (1570) e FM 81.9

MUNICÍPIOS BRASILEIROS

No Estado de São Paulo, hoje é o aniversário de Bom Sucesso de Itararé, Holambra, Macedônia, Mairinque, Marapoama, Santa Maria da Serra, Taquarivaí e Torre de Pedra.

  • No Rio Grande do Norte: Afonso Bezerra, Macaíba e Santana do Matos (RN).
  • E mais: Aroeiras do Itaim (PI), Baliza (GO), Cerro Azul (PR), Nova Alvorada do Sul (MS) e Quixadá (CE).

Na “Tertúlia da Saudade”, promovida pela Academia Cristã de Letras, em 16 de maio de 2023, falamos de nossas lembranças a respeito do Dr. Duílio Crispim Farina, um dos nossos antecessores na cadeira 27 deste majestoso sodalício.

Na ocasião, citamos que o Dr. Duílio, falecido em 2003, guardou em sua casa até o final da vida, uma imagem em miniatura de Santo Elesbão, muito venerado pelos escravos da São Paulo do século XIX.

Santo Elesbão é um santo negro da Etiópia, cultuado na igreja do Rosário dos Homens Pretos, localizada onde agora está a Praça Antônio Prado, no coração do centro velho de São Paulo, cuja demolição se deu no ano de 1904.

Esta paróquia se transferiu para o Largo do Paissandu, mas Santo Elisão não seguiu com ela.

Geraldo Nunes, jornalista e escritor, que eternizou o programa “São Paulo de Todos os Tempos” pela saudosa Rádio Eldorado AM.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


;