Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 4 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Negociações entre UE e Mercosul ficam paradas até março


Da AFP

06/12/2004 | 19:45


As negociações entre a UE (União Européia) e o Mercosul para um acordo de livre comércio continuarão paralisadas até a reunião ministerial marcada para março. Os principais negociadores dos dois blocos estabeleceram, na sexta-feira, um calendário para avançar nas negociações e decidiram voltar a se reunir no início do próximo ano para preparar o encontro ministerial previsto para o final do primeiro trimestre de 2005.

O responsável pelas negociações da Comissão Européia, Carl Falkenberg, e o embaixador brasileiro Regis Arslanian se reuniram no Rio de Janeiro e concordaram que voltariam a se encontrar no início de 2005, sem definir data e local, revelou a porta-voz de Peter Mandelson, comissário europeu de Comércio.

"No encontro, os dois vão preparar a reunião de ministros dos quatro países do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai) com o comissário Mandelson, prevista para o final do primeiro trimestre de 2005", destacou a porta-voz Claude Veron-Reville.

O objetivo da reunião do Rio era preparar as próximas etapas da negociação de um acordo de associação e livre comércio, que as partes deram início há cinco anos e cujo final, previsto para outubro passado, foi adiado porque não estavam satisfeitas com as ofertas comerciais apresentadas até então.

No entanto, apesar de não ter havido decisões, a reunião do Rio foi muito construtiva e ambos negociadores concordaram em seguir os preparativos da negociação. Também revisaram todos os temas da questão, de acordo com a porta-voz.

"O contato foi restabelecido e as negociações não foram abandonadas, mas não queremos fixar um calendário se não há substância", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Negociações entre UE e Mercosul ficam paradas até março

Da AFP

06/12/2004 | 19:45


As negociações entre a UE (União Européia) e o Mercosul para um acordo de livre comércio continuarão paralisadas até a reunião ministerial marcada para março. Os principais negociadores dos dois blocos estabeleceram, na sexta-feira, um calendário para avançar nas negociações e decidiram voltar a se reunir no início do próximo ano para preparar o encontro ministerial previsto para o final do primeiro trimestre de 2005.

O responsável pelas negociações da Comissão Européia, Carl Falkenberg, e o embaixador brasileiro Regis Arslanian se reuniram no Rio de Janeiro e concordaram que voltariam a se encontrar no início de 2005, sem definir data e local, revelou a porta-voz de Peter Mandelson, comissário europeu de Comércio.

"No encontro, os dois vão preparar a reunião de ministros dos quatro países do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai) com o comissário Mandelson, prevista para o final do primeiro trimestre de 2005", destacou a porta-voz Claude Veron-Reville.

O objetivo da reunião do Rio era preparar as próximas etapas da negociação de um acordo de associação e livre comércio, que as partes deram início há cinco anos e cujo final, previsto para outubro passado, foi adiado porque não estavam satisfeitas com as ofertas comerciais apresentadas até então.

No entanto, apesar de não ter havido decisões, a reunião do Rio foi muito construtiva e ambos negociadores concordaram em seguir os preparativos da negociação. Também revisaram todos os temas da questão, de acordo com a porta-voz.

"O contato foi restabelecido e as negociações não foram abandonadas, mas não queremos fixar um calendário se não há substância", disse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;