Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Espanhol escreve sobre o Amazonas


Das Agências

15/02/2001 | 12:54


O crescente desaparecimento das culturas indígenas amazônicas e o perigo ecológico que ameaça a região devido a pressão dos grandes interesses econômicos são denunciados pelo escritor espanhol Juan Madrid na obra ‘‘Amazonas: uma Viagem Impossível’’, em que ele busca o segredo de lendárias mulheres guerreiras.

Com uma prosa direta, o autor se refere ao ‘‘desaparecimento’’ de tribos, à ‘‘invasão’’ de modos de vida estrangeiros e inadequados à região, à ‘‘degradação’’ ecológica e ao perigo que correm milhares de espécies vegetais e animais.

A pedido de uma editora espanhola, Juan Madrid viajou ao Amazonas para desvendar seus segredos, sua magia e o mistério da floresta. Pensado originalmente como um livro de viagem, o projeto editorial transformou-se em um romance, mistura de ficção e realidade.

A ficção está no personagem principal, um sonhador que propõe uma viagem de sonhos pelo Amazonas para encontrar seu amigo de infância, um índio mestiço que esconde o segredo das lendárias amazonas, mulheres que, segundo a lenda, abandonavam seus filhos homens e cortavam o seio direito para poder disparar melhor suas flechas.

O autor inspirou-se em relatos escritos na época pelos conquistadores espanhóis Gaspar de Carvajal e Francisco de Orellana, que, em 1542, desceram pelo rio Amazonas, cobrindo uma grande parte dos seus 6.500 quilômetros. Juan Madrid é, ao mesmo tempo, ator e narrador. Ele diz ter reunido suas aventuras amazônicas ‘‘após dois meses de viagem, acompanhado apenas por uma mochila de 3,5 quilos. (...) De modo que 99% do livro são histórias reais’’.

Juan Madrid é autor de 10 romances, traduzidos para nove idiomas, e autor de 14 roteiros de séries televisivas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;