Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Suzano Petroquímica retoma lucros no primeiro semestre


Leone Farias
Do Diário do Grande ABC

03/08/2007 | 07:24


O aquecimento das vendas para os setores automotivo e grícola, entre outros, ajudou a Suzano Petroquímica a voltar à lucratividade. A companhia, que tem fábrica em Mauá, no Pólo de Capuava, obteve lucro líquido de R$ 126,1 milhões no primeiro semestre, que reverte prejuízo de R$ 29,1 milhões no mesmo período de 2006.

Líder na produção de polipropileno (matéria-prima para a produção de embalagens e peças de plástico) na América Latina, a empresa ganhou impulso sobretudo no segundo trimestre.

No mercado interno, a empresa ampliou em 25,2% o volume de vendas da resina de abril a junho em relação aos três meses iniciais. No acumulado do semestre, a comercialização foi 3,6% maior do nos seis meses de 2006.

As exportações também melhoraram, em função da forte demanda no exterior, inclusive na América do Sul. Houve alta de 10,9% nas vendas externas no semestre.

Com isso, a receita operacional líquida no período foi de R$ 957 milhões, 13,2% mais do que a da primeira metade do ano passado.

Além das vendas em alta, a petroquímica contabilizou no semestre resultado financeiro líquido positivo de R$ 30,8 milhões (depois de perdas de R$ 9,1 milhões), entre outros motivos, porque se reduziu o valor em reais das dívidas contratadas em dólar.

INVESTIMENTO

A companhia vai investir US$ 67,4 milhões até 2008 (US$ 42,4 milhões no segundo semestre deste ano e mais US$ 25 milhões no ano que vem) para a expansão das fábricas de Mauá e de Duque de Caxias (RJ).

No Grande ABC, a empresa vai concluir em 2008 uma nova ampliação que agrega mais 90 mil toneladas anuais à capacidade produtiva de polipropileno – passará a 450 mil toneladas anuais.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Suzano Petroquímica retoma lucros no primeiro semestre

Leone Farias
Do Diário do Grande ABC

03/08/2007 | 07:24


O aquecimento das vendas para os setores automotivo e grícola, entre outros, ajudou a Suzano Petroquímica a voltar à lucratividade. A companhia, que tem fábrica em Mauá, no Pólo de Capuava, obteve lucro líquido de R$ 126,1 milhões no primeiro semestre, que reverte prejuízo de R$ 29,1 milhões no mesmo período de 2006.

Líder na produção de polipropileno (matéria-prima para a produção de embalagens e peças de plástico) na América Latina, a empresa ganhou impulso sobretudo no segundo trimestre.

No mercado interno, a empresa ampliou em 25,2% o volume de vendas da resina de abril a junho em relação aos três meses iniciais. No acumulado do semestre, a comercialização foi 3,6% maior do nos seis meses de 2006.

As exportações também melhoraram, em função da forte demanda no exterior, inclusive na América do Sul. Houve alta de 10,9% nas vendas externas no semestre.

Com isso, a receita operacional líquida no período foi de R$ 957 milhões, 13,2% mais do que a da primeira metade do ano passado.

Além das vendas em alta, a petroquímica contabilizou no semestre resultado financeiro líquido positivo de R$ 30,8 milhões (depois de perdas de R$ 9,1 milhões), entre outros motivos, porque se reduziu o valor em reais das dívidas contratadas em dólar.

INVESTIMENTO

A companhia vai investir US$ 67,4 milhões até 2008 (US$ 42,4 milhões no segundo semestre deste ano e mais US$ 25 milhões no ano que vem) para a expansão das fábricas de Mauá e de Duque de Caxias (RJ).

No Grande ABC, a empresa vai concluir em 2008 uma nova ampliação que agrega mais 90 mil toneladas anuais à capacidade produtiva de polipropileno – passará a 450 mil toneladas anuais.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;