Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Doze milhões ainda não declararam IR


Do Diário do Grande ABC

19/04/2006 | 08:04


Faltando apenas dez dias para o fim do prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2006, mais da metade dos contribuintes ainda não entregou o documento. Segundo a Receita Federal, até as 18 horas de terça-feira haviam sido entregues 10 milhões de declarações do IR, o equivalente a 45% do total esperado de 22 milhões de documentos.

“O brasileiro mais uma vez deixou para cumprir sua obrigação no último momento. E quem deixa para fazer a declaração no limite do prazo tem maiores chances de cair na malha fina”, disse Joaquim Adir, supervisor Nacional do Imposto de Renda.

A partir deste ano, quem entregar a declaração com atraso receberá uma notificação de multa no momento em que for enviar a declaração. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo é de 20% do imposto devido. Devem entregar a declaração de IR todos aqueles que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 13.968 em 2005. A declaração pode ser feita em disquete, em formulário de papel, ou pela internet no site da Receita – www.receita.gov.br.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Doze milhões ainda não declararam IR

Do Diário do Grande ABC

19/04/2006 | 08:04


Faltando apenas dez dias para o fim do prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2006, mais da metade dos contribuintes ainda não entregou o documento. Segundo a Receita Federal, até as 18 horas de terça-feira haviam sido entregues 10 milhões de declarações do IR, o equivalente a 45% do total esperado de 22 milhões de documentos.

“O brasileiro mais uma vez deixou para cumprir sua obrigação no último momento. E quem deixa para fazer a declaração no limite do prazo tem maiores chances de cair na malha fina”, disse Joaquim Adir, supervisor Nacional do Imposto de Renda.

A partir deste ano, quem entregar a declaração com atraso receberá uma notificação de multa no momento em que for enviar a declaração. O valor mínimo é de R$ 165,74 e o máximo é de 20% do imposto devido. Devem entregar a declaração de IR todos aqueles que tiveram rendimentos tributáveis acima de R$ 13.968 em 2005. A declaração pode ser feita em disquete, em formulário de papel, ou pela internet no site da Receita – www.receita.gov.br.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;