Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Venezuela aprova lei que dá ao BC controle sobre mercado de câmbio


Da AFP

13/05/2010 | 07:00


A Assembleia Nacional (Parlamento) da Venezuela, de maioria governista, aprovou nesta quinta-feira em segunda leitura a reforma de uma lei sobre crimes cambiais que dá ao Banco Central o controle das operações, inclusive as do mercado de dólar paralelo.

"Queremos ter transparência, que cada um saiba para quem são dadas as moedas", disse o deputado governista Ricardo Sanguino, impulsionador da reforma da lei.

Com essa mudança normativa, o BCV passa a controlar o chamado dólar permuta, uma forma legal de obter dólares na Venezuela via a venda de títulos e bônus, cujo valor é fixado pela lei de oferta e demanda.

Atualmente, o dólar permuta é cotado a valores muito superiores aos preços oficiais da moeda americana, e a divulgação da cotação está proibida por lei.

Desde janeiro, as taxas oficiais do dólar na Venezuela são duas: 2,6 bolívares para importações essenciais, fundamentalmente feitas pelo Estado, e 4,3 bolívares por dólar para o restante das operações.

A partir de agora, o BCV autorizará quais instituições financeiras poderão realizar operações com bônus e fixará limites para o valor do dólar permuta.

Na Venezuela, impera desde 2003 um rígido controle do câmbio e o governo é encarregado de fornecer dólares a empresas e pessoas físicas.

Mas o Executivo não está dando dólares suficientes para assumir as milionárias importações de bens das quais a Venezuela depende e, portanto, empresas e pessoas físicas recorrem ao mercado permuta para comprar dólares, o que fez seu preço disparar nos últimos dias.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;