Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 15 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santos contrata Fernando Diniz, Evando e Eder Ceccon


Do Diário OnLine

12/01/2005 | 22:59


Depois de investir alto nas contratações de medalhões e atletas internacionais, o Santos partiu para as compras em escala econômica. Depois de confirma as chegadas do goleiro Henao (ex-Once Caldas) e dos meias Tcheco (ex-Al-Ittihad) e Fábio Baiano (ex-Corinthians), o Peixe trouxe um 'pacotão' de atacantes formado pelo experiente Fernando Diniz; o desconhecido Evando; e a promessa Eder Ceccon.

Fernando Diniz, 29 anos, chega com a experiência de ter passado por clubes como Corinthians, Palmeiras, Flamengo, Fluminense e Cruzeiro. A contratação tem aval do técnico Oswaldo de Oliveira, mas conta com a desconfiança da torcida. Já Evando e Eder Ceccon, que disputaram o Campeonato Brasileiro da Série B pelo Avaí (SC), vão brigar por um espaço no time.

Gabriel – As negociações com o lateral-direito dispensado do São Paulo, Gabriel, chegaram ao fim. O clube e o jogador, que foi 'convidado' a deixar o Tricolor exatamente por ter um salário muito alto (cerca de R$ 85 mil), não chegou a um acordo financeiro. Com isso, as chances de Flávio se transformar no titular da camisa '4' do Peixe crescem. Ele foi contratado a pedido do ex-treinador Wanderley Luxemburgo.

O adeus do 'Guerreiro' – Um dos símbolos da raça santista nos últimos anos deu adeus oficialmente aos gramados. O zagueiro Narciso confirmou nesta quarta-feira que está aposentado. Porém, ele revelou que a intenção é continuar trabalhando na Vila Belmiro. "Devo conversar com o presidente até a próxima sexta-feira e decidir, com certeza, onde deverei atuar. A minha idéia é continuar trabalhando", disse o jogador em entrevista à Rádio Jovem Pan.

Narciso ficou afastado dos gramados entre os anos de 1999 e 2003, quando passou por um duro processo de recuperação em virtude de uma leucemia constatada. Em 2003, ele voltou a jogador com a camisa do Santos na partida contra o Coritiba, no Paraná. Na realidade, depois da doença, Narciso jamais foi o mesmo, principalmente no fator preparo físico.

Na final do Campeonato Brasileiro 2004, o meia Elano marcou o segundo gol diante do Vasco e homenageou o companheiro, que estava internado em um hospital de Santos com dores na perna. Exames posteriores revelaram um problema no nervo ciático.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;