Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Fatah e Hamas se declaram vitoriosos nas eleições municipais


Da AFP

26/12/2004 | 17:27


O Fatah, núcleo da OLP (Organização de Libertação da Palestina), e o movimento islamita radical Hamas afirmaram ambos ter conquistado a maioria das cadeiras nos 26 conselhos municipais eleitos na quinta-feira passada na Cisjordânia. Por sua vez, o ministério das Coletividades Locais, responsável pela organização da eleição, se recusou a revelar a filiação política dos candidatos eleitos.

O ministro Jamal Chubaki anunciou neste domingo a lista dos vencedores, sem especificar sua filiação política. Dirigentes do Fatah e do Hamas anunciaram a vitória de seus movimentos respectivos. "Os candidatos se apresentaram individualmente, e não sobre listas de um partido ou movimento", justificou Chubaki.

Um líder do Fatah na Cisjordânia, Hussein el-Sheikh, declarou que seu movimento havia conquistado 185 das 306 cadeiras, ou seja, 60% dos votos. Segundo ele, o Fatah conquistará o cargo de prefeito em 12 municípios. A escolha do próprio prefeito será realizada posteriormente entre os candidatos eleitos.

Hassan Yussef, um alto representante do Hamas na Cisjordânia, também afirmou que seu movimento havia vencido estas eleições, as primeiras deste tipo em 28 anos. "O Hamas conquistou a maioria das cadeiras em 12 dos 26 municípios, e se associou a coalizões que ganharam a maioria das cadeiras em outros três municípios", declarou Yussef. "Posso dizer que o Hamas venceu estas eleições", acrescentou.

De acordo com fontes do ministério palestino do Interior, o Fatah conquistou 35% das cadeiras, e o Hamas 10%, enquanto que o resto das cadeiras são ocupadas por independentes que o Fatah e o Hamas tratam de seduzir.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;