Fechar
Publicidade

Sábado, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Bolsas da Ásia fecham majoritariamente em baixa, mas chinesas avançam com PMIs



30/06/2022 | 07:18


As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em baixa nesta quinta-feira, 30, em meio a persistentes temores sobre a possibilidade de recessão nos EUA, mas os mercados chineses foram impulsionados por dados que sinalizaram expansão da atividade econômica.

O índice acionário japonês Nikkei caiu 1,54% em Tóquio hoje, a 26.393,04 pontos, enquanto o Hang Seng recuou 0,62% em Hong Kong, a 21.859,79 pontos, o sul-coreano Kospi perdeu 1,91% em Seul, a 2.332,64 pontos, e o Taiex cedeu 2,72% em Taiwan, a 14.825,73 pontos.

Na quarta-feira, 29, revisão mostrou que o PIB dos EUA encolheu a um ritmo anualizado de 1,6% no primeiro trimestre, um pouco mais do que estimado anteriormente. O indicador reforçou preocupações sobre os riscos de recessão na maior economia do mundo, num momento em que o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) eleva juros em ritmo agressivo para combater a disparada da inflação.

Por outro lado, a China, segunda maior potência econômica global, voltou a dar sinais de crescimento. PMIs oficiais mostraram que tanto a indústria quanto o segmento de serviços do país se expandiram em junho, após três meses seguidos de contração. Nas últimas semanas, o governo chinês vem revertendo medidas de restrição em meio a sinais de que os últimos surtos de covid-19 estão sob controle.

Na China continental, o Xangai Composto subiu 1,10% nesta quinta, a 3.398,62 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 1,35%, a 2.224,15 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana seguiu o tom predominante na Ásia, e o S&P/ASX 200 caiu 1,97% em Sydney, a 6.568,10 pontos. Com informações da Dow Jones Newswires.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;