Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 17 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Vila Nova e Ponte Preta empatam e permanecem na zona de rebaixamento da Série B



29/06/2022 | 00:10


Em um resultado que não foi bom para ninguém, Vila Nova e Ponte Preta empataram por 1 a 1, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Lucca e Rubens marcaram os gols do jogo logo no início do primeiro tempo.

Este foi o décimo jogo sem vitória do Vila Nova na temporada, que segue amargando a última posição, agora com 12 pontos ganhos. Já a Ponte Preta chegou ao quarto jogo sem vencer e é a 18º colocada, com 14 pontos. Ou seja, ambos seguem amargando a zona de rebaixamento.

Dois dos piores ataques da Série B, Vila Nova e Ponte Preta fizeram um início de jogo eletrizante. Aos seis minutos, o goleiro Tony saiu jogando errado e perdeu a bola para o atacante Lucca, que dominou e finalizou para o gol aberto, colocando os visitantes na frente do placar.

Só que a Ponte Preta não aproveitou a vantagem e três minutos depois viu Diego Tavares cruzar da direita e Fessin, de forma infantil, cortar a bola com o braço direito. Pênalti marcado e convertido aos 11 minutos pelo centroavante Rubens, que não marcava gol desde o mês de março.

Com a partida em igualdade, a Ponte Preta esteve mais organizada em campo, enquanto o Vila Nova apostou nos contra-ataques pelo lado direito. Antes do intervalo, os visitantes quase marcaram o segundo gol. Aos 46, Lucca cobrou falta e obrigou o goleiro Tony defender no canto esquerdo.

No segundo tempo o Vila Nova voltou melhor e esteve mais próximo do segundo gol. Aos 17 minutos, Rafael Donato aproveitou chutão da defesa e finalizou para defesa de Caíque França. Depois, aos 19, foi a vez de Diego Tavares arriscar de longe e acertar a trave esquerda do goleiro ponte-pretano.

Sem nenhum chute ao gol no segundo tempo, a Ponte Preta se segurou como pôde na defesa. Aos 26 minutos, após cobrança de falta, Rafael Donato cabeceou e o goleiro Caíque França se esticou todo para fazer a defesa. Em seguida o lance foi anulado, pois o zagueiro estava em posição de impedimento.

Demorou, mas aos 39 minutos a Ponte Preta finalizou pela primeira vez no segundo tempo. Lucca recebeu na intermediária e finalizou forte para a defesa em dois tempos do goleiro Tony. Mas o Vila Nova seguiu melhor e criou mais duas chances com Daniel Amorim e Pablo, contudo, longe do alvo.

O Vila Nova volta a campo na sexta-feira para enfrentar o Cruzeiro, às 21h30, no Mineirão, em Belo Horizonte. Enquanto a Ponte Preta jogará no domingo, quando receberá o Tombense, às 11 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

VILA NOVA 1 X 1 PONTE PRETA

VILA NOVA - Tony; Alex Silva, Rafael Donato, Alisson Cassiano e Willian Formiga (Jefferson); Ralf (Romário), Pablo (João Lucas) e Matheuzinho; Diego Tavares (Marlone), Rubens (Daniel Amorim) e Pablo Dyego. Técnico: Pedro Gama (auxiliar).

PONTE PRETA - Caíque França; Fábio Sanches, Thiago Oliveira e Douglas Mendes; Norberto (Igor Formiga), Felipe Amaral, Wallisson (Wesley Fraga), Fessin (Echaporã) e Artur; Nicolas (Da Silva) e Lucca. Técnico: Hélio dos Anjos.

GOLS - Lucca, aos 6; e Rubens, aos 11 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Antônio Dib Moraes de Sousa (PI).

CARTÕES AMARELOS - Alex Silva e Ralf (Vila Nova); Fábio Sanches, Felipe Amaral e Wallysson (Ponte Preta).

PÚBLICO - 1.523 pagantes.

RENDA - R$ 12.555,00.

LOCAL - Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia (GO).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;