Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 17 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em belo jogo no Beira-Rio, Inter derrota Coritiba e entra no G-4 do Brasileirão



24/06/2022 | 23:29


Com organização tática e ótimo toque de bola, o Internacional de recuperou da traumática derrota de virada sofrida para o Botafogo, ao vencer, nesta sexta-feira à noite, o Coritiba, por 3 a 0, no Beira-Rio, em Porto Alegre, na abertura da 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Internacional entrou provisoriamente no G-4, ao somar 24 pontos, na terceira colocação, atrás apenas do líder Palmeiras (28) e do Corinthians (25). Já o Coritiba permanece com 15 pontos e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento.

O primeiro tempo foi disputado em alta velocidade. Com troca precisa de passes e muita movimentação, as equipes disputaram ótimos primeiros 45 minutos.

O Coritiba iniciou confortável, como se estivesse no Couto Pereira. Com um minuto, Léo Gamalho forçou Daniel a fazer a primeira defesa da partida. O time paranaense permaneceu no ataque, mas sofreu com os fortes contragolpes do Inter.

Aos 5 minutos, Pedro Henrique fez bela jogada pela direita e cruzou na medida para Alemão, mas o arremate foi em cima do goleiro Rafael William.

O panorama permaneceu inalterado até os 15 minutos. A partir daí, foi o Inter que teve a iniciativa e praticamente posicionou todos seus jogadores no campo de ataque. Não demorou para o primeiro gol gaúcho ser marcado. Aos 18, Pedro Henrique passou por quatro adversários e cruzou mais uma vez com perfeição para o aproveitamento de Taison: 1 a 0.

Se o Inter tinha a habilidade de Pedro Henrique, o Coritiba apresentou mais uma vez o talento de Igor Paixão, sempre perigoso para a defesa gaúcha.

Mas quem voltou a marcar foi o Inter. Em mais uma jogada rápida, Alemão deu lindo passe para a finalização certeira de Edenílson: 2 a 0, aos 41 minutos.

O Coritiba veio para o segundo tempo com o mesmo entusiasmo e Igor Paixão perdeu boa chance para diminuir o prejuízo paranaense. Mas o time visitante tomou um banho de água fria, aos seis minutos, quando Alemão aproveitou um vacilo da defesa curitibana para fazer 3 a 0.

A partir daí, o Inter dominou a partida com bom posicionamento tático e eficiente toque de bola. O Coritiba não se entregou e só não marcou pelo menos um gol por causa da boa atuação do goleiro Daniel.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAl 3 x 0 CORITIBA

INTERNACIONAL - Daniel; Bustos (Heitor), Vitão, Rodrigo Moledo (Kaique Rocha) e Thauan Lara; Gabriel, Edenílson e Carlos de Pena (Johnny); Taison (Mauricio), Alemão e Pedro Henrique (Caio Vidal). Técnico: Mano Menezes.

CORITIBA - Rafael William; Matheus Alexandre, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Birô (Egídio); Willian Farias, Galarza (Val) e Thonny Anderson (José Hugo); Igor Paixão (Neilton), Alef Manga (Fabrício) e Léo Gamalho. Técnico: Gustavo Morinigo.

GOLS - Taison aos 18 e Edenílson aos 41 minutos do primeiro tempo. Alemão aos seis minutos do segundo.

ÁRBITRO - Jefferson Ferreira de Moraes (GO).

CARTÕES AMARELOS - Guilherme Birô, Igor Paixão, Thauan Lara, Matheus Alexandre.

RENDA - R$ 561.464,00.

PÚBLICO - 11.590 pagantes (13.454 total).

LOCAL - Beira-Rio, em Porto Alegre.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;