Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 19 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Primeiro-ministro britânico enfrentará voto de confiança e pode deixar cargo

Divulgação/Alan Santos/PR Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Político enfrentará uma votação no Partido Conservador nesta segunda-feira



06/06/2022 | 07:34


Pressionado por escândalo sobre festas de que teria participado durante a pandemia, o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, enfrentará uma votação de confiança no Partido Conservador nesta segunda-feira, 6. Para seguir na liderança da legenda e, portanto, do país, o premiê precisará obter voto favorável de mais da metade dos 359 parlamentares conservadores.

O líder do Comitê que representa o partido no Parlamento, Graham Brady, informou que recebeu pelo menos 54 cartas de legisladores governistas em favor da votação, mais que os 15% necessários para a ativação do dispositivo.

A sessão deve ocorrer entre 14 horas e 16 horas (horário de Brasília) desta segunda, de acordo com ele.

Caso Johnson saía vitorioso, o partido fica proibido de deflagrar nova votação do tipo por um ano.

Por outro lado, se perder, o primeiro-ministro deixa o governo e será substituído por outro nome da legenda.

O caso acontece em meio à polêmica sobre repetidas festas organizadas na sede do premiê enquanto o país estava em lockdown para conter o coronavírus. No mês passado, um relatório elaborado pela servidora pública Sue Gray definiu que "equipe de liderança sênior deve assumir a responsabilidade" por permitir a realização de eventos "que não deveriam ocorrer".

As reuniões teriam ocorrido entre 2020 e 2021, no auge da pandemia.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;