Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Caetano usa hortaterapia como projeto de recuperação de idosos

Eric Romero/PMSCS Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Projeto de hortaterapia envolve a participação ativa de pacientes que plantam, regam, podam e se envolvem com a atividade


Da Redação

27/05/2022 | 12:39


Os CISEs (Centros de Integração de Saúde e Educação) da Terceira Idade de São Caetano utilizam o projeto de hortaterapia no auxílio à recuperação de idosos. A iniciativa tem sido cada vez mais usada no tratamento de doenças ou desequilíbrios emocionais, como o estresse e a depressão, com o suporte e acompanhamento de um terapeuta ou médico. A ação é feita para munícipes com mais de 50 anos inscritos nos CISEs.

Nascida em São Caetano, interior de Pernambuco, e há mais de cinco décadas morando em São Caetano, no Grande ABC, dona Maria do Socorro Felizardo, de 69 anos, sofre de crises de depressão, e encontrou acolhimento nas atividades da hortaterapia do CISE João Castaldelli, no Bairro Olímpico.

“A melhora da minha mãe é visível. Inclusive, a médica que a acompanha mensalmente comentou que houve evolução significativa, tanto nas atividades físicas como na forma de agir”, ressalta Luciana Carvalho Felizardo Contin, de 43 anos, filha de dona Maria do Socorro.

“A hortaterapia consiste no cultivo de plantas, flores e hortaliças com o objetivo de estimular a criatividade, memória visual e atividade motora. Traz benefícios no tratamento de depressão, ansiedade, demência de Alzheimer e diversas outras patologias, pela melhora da autoestima, autocuidado e atividade motora nas ações realizadas durante o cultivo. Isso melhora os níveis hormonais e diminui o estresse do paciente”, explica Rogério Salvador Lopes, 32 anos, médico da Estratégia de Saúde da Família no Bairro Prosperidade.

Além do CISE João Castaldelli, a Comtid (Coordenadoria Municipal da Terceira Idade) oferece hortaterapia nos CISEs Benedicto Djalma Castro (Bairro Prosperidade), Dr. Moacyr Rodrigues (Bairro Santa Paula) e João Nicolau Braido (Bairro São José), além da Estação Cultura (Centro).

Hortaterapia

Os benefícios de colocar as mãos na terra e lidar com plantas, flores ou árvores frutíferas, são muitos: melhora o humor, proporciona bem-estar, reabilita pacientes no aspectos mental, emocional e físico, além de servir de terapia ocupacional e social.

A hortaterapia pode ser passiva ou ativa, sendo que no primeiro caso os usuários contemplam a beleza da natureza e, no segundo, os pacientes participam diretamente da criação, organização, manutenção e cuidado do espaço verde.

Os projetos de hortaterapia envolvem a participação ativa de pacientes que plantam, regam, podam e se envolvem de corpo e alma nessa atividade, para depois contemplarem os resultados de toda essa dedicação, vendo a beleza crescer ao seu redor com plantas florescendo e frutificando.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;