Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ceará vence Independiente e garante vaga nas oitavas da Copa Sul-Americana



25/05/2022 | 23:47


Assim como o arquirrival Fortaleza na Copa Libertadores, o Ceará também fez história na noite desta quarta-feira, quando venceu com o Independiente (ARG), por 2 a 0, no estádio de Avellaneda, em Buenos Aires, e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

O Ceará se classificou com a melhor campanha da fase de grupos, já que venceu os seis jogos disputados e terminou na liderança isolada do Grupo G, com 18 pontos ganhos. O Independiente ficou em segundo, com 12, e está eliminado da competição.

Além da classificação histórica, o Ceará também garantiu premiação de US$ 500 mil, o equivalente a cerca de R$ 2,4 milhões, por chegar às oitavas de final, acumulando montante de US$ 1,4 milhão (R$ 6,75 milhões) na Sul-Americana.

O primeiro tempo foi bastante tenso e com o Ceará não se intimidando como visitante. Tanto é que o time brasileiro teve duas boas chances com o atacante Vina, a melhor aos 40 minutos, quando Mendoza deu assistência e o jogador finalizou fraco nas mãos do goleiro Sebastián Sosa.

O Independiente teve dificuldades de passar pela defesa do Ceará e antes do intervalo viu os brasileiros abrirem o placar. Aos 49 minutos, Victor Luís cobrou falta, a marcação desviou e Rodrigo Lindoso finalizou na saída do goleiro.

No segundo tempo, como esperado, o Independiente foi para o tudo ou nada e precisou se expor mais no ataque. Logo aos três minutos, Fernández fez jogada individual e arriscou chute de fora da área, contudo, sobre o travessão do goleiro João Ricardo.

O Ceará jogou com o regulamento e administrou a excelente vantagem em campo para confirmar a classificação. Num dos poucos lances que chegou com perigo, aos 31, Vina cobrou falta na área e encontrou o zagueiro Luiz Otávio, que cabeceou para defesa de Sebástian Sosa.

Na reta final do segundo tempo, o Ceará foi fatal no contra-ataque e selou a classificação. Aos 45 minutos, Richardson saiu em velocidade, tocou para Erick e o atacante cruzou para Mendoza, que finalizou forte, sem chances de defesa.

FICHA TÉCNICA

INDEPENDIENTE (ARG) 0 X 2 CEARÁ

INDEPENDIENTE (ARG) - Sebastián Sosa; Vigo (Rodrigo Márquez), Barreto, Insaurralde e Lucas Rodríguez (Togni); Lucas Romero, Blanco, Soñora, Roa (Leandro Fernández) e Batallini (Pozzo); Benegas. Técnico: Eduardo Domínguez.

CEARÁ - João Ricardo; Nino Paraíba, Messias, Luiz Otávio e Victor Luís (Lucas Ribeiro); Richardson (Wescley), Rodrigo Lindoso e Richard Coelho (Bruno Pacheco); Lima (Erick), Mendoza e Vina (Cléber). Técnico: Dorival Júnior.

GOLS - Rodrigo Lindoso, aos 49 minutos do primeiro tempo. Mendoza, aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Chrystian Ferreira (URU).

CARTÃO AMARELO - Vigo, Rodrigo Márquez, Insaurralde e Benegas (Independiente); Richardson, Rodrigo Lindoso, Lima e Vina (Ceará).

PÚBLICO E RENDA - Não divulgados.

LOCAL - Estádio de Avellaneda, em Buenos Aires (ARG).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;