Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Julinho Fuzari sai a estadual para
expandir as bandeiras do mandato

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vereador de S.Bernardo pretende levar à Assembleia seus projetos aprovados, como rede de proteção ao autista


Da Redação
Do Diário do Grande ABC

22/05/2022 | 00:01


Vereador de São Bernardo em terceiro mandato, Julinho Fuzari (PSC) pretende disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa, na eleição deste ano, para, entre outras razões, expandir para o Estado projetos de sua autoria aprovados pelo Legislativo municipal.

Entre as iniciativas que Julinho entende que podem ser replicadas em São Paulo está o conjunto de legislações que formam a rede municipal de proteção ao autista. São quatro leis, de sua autoria, sobre o tema: a que criou o dia municipal de conscientização do autismo, a que garante atendimento preferencial para quem está com alguém que tem o autismo, a que assegura a inclusão do símbolo na lista do assento preferencial do tansporte público e a que instituiu o cordão de girassol, para identificar pessoas com algum tipo de deficiência oculta, como o autismo.

“Mas quero ir além. Dentro do município é pouco. É necessário fazer uma discussão em todo o Estado. Temos que instituir centros voltados ao espectro autista. Quando falo de inclusão, precisamos pensar no futuro dessa criança, cuidando da inserção no mercado de trabalho”, disse o vereador de São Bernardo.

Ele também pretende ampliar discussões em torno de pautas que são consideradas conservadoras, mas que Julinho julga como “em defesa de valores que não podem ficar perdidos”. “Fui autor da lei que proibiu que a ideologia de gênero fosse ensinada para as crianças de São Bernardo. E agora tive coragem de apresentar lei que impede o banheiro unissex na cidade, sempre pensando na mulher. Acho incoerência quem defende vagão rosa, mas defende banheiro de uso comum para todos os gêneros”, analisou Julinho.

E justamente por causa dessa linha ideológica que o vereador disse ter escolhido o PSC para disputar a eleição. Antes no DEM, o vereador desfiliou-se durante o processo de criação do União Brasil, a partir da junção de seu ex-partido com o PSL. “Fui convidado pelo Gilberto Nascimento (presidente estadual) para comandar o partido em São Bernardo e futuramente coordenar o PSC no Grande ABC”, contou. “Tinha que procurar um partido de centro-direita e o PSC defende as mesmas bandeiras que eu”, afirmou.

O vereador de São Bernardo também acredita que a votação obtida em 2018 (30.325 votos), quando foi candidato a deputado estadual, o credencia para tentar novamente o objetivo. Julinho também pretende se colocar como principal opção do eleitor dessa corrente que, segundo ele, terá poucas opções. O deputado estadual Coronel Nishikawa (PL), por exemplo, sairá a federal, o que, segundo Julinho, facilita a abertura de espaço, além de seu próprio trabalho de base. “ Dentro dessa leitura, tenho como crescer minha votação. Trabalho para buscar 40 mil votos.”



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;