Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Em ritmo de treino, São Paulo supera Jorge Wilstermann e avança na Sul-Americana

Twitter/Conmebol Sul-americana Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Tricolor garante vaga nas oitavas de final com placar de 3x0 para cima dos bolivianos



19/05/2022 | 23:33


O torcedor mais jovem do São Paulo pode até não se lembrar, mas o time é o maior vencedor de títulos internacionais do Brasil, com 12 conquistas - a maioria celebrada na vitoriosa década de 1990. A última dessas glórias chegou ao Morumbi há dez anos, justamente na Copa Sul-Americana, torneio em que o Tricolor se garantiu nas oitavas de final nesta quinta-feira ao vencer o Jorge Wilstermann por 3 a 0, na gelada noite de outono na capital paulista.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 13 pontos e já assegurou a primeira colocação do Grupo D, mesmo com uma rodada a ser disputada - o time recebe os peruanos do Ayacucho na semana que vem. Ainda é cedo para cravar o São Paulo como favorito ao título da Sul-Americana, mas com certeza a equipe de Rogério Ceni pode ser considerada uma das que podem chegar na decisão.

Em um gelado Morumbi (os termômetros marcavam 9 graus no início da partida) e com muita facilidade, um time misto despachou o rival boliviano, que também poupou alguns jogadores de olho no Campeonato Boliviano, com extrema facilidade.

O nome do jogo na primeira etapa foi Rodrigo Nestor. Ele marcou os dois gols do time nos 45 minutos iniciais. O primeiro, aos 6, após Eder fazer a jogada de pivô para o volante finalizar com precisão. O segundo saiu aos 16, após Nikão avançar pela direita e bater para o gol. No meio do caminho, Nestor desviou com classe para aumentar o placar para 2 a 0.

Nestor ainda fez mais um gol antes do intervalo, mas o árbitro anulou, alegando um impedimento bem duvidoso - na primeira fase da Copa Sul-Americana não há revisão do árbitro de vídeo (VAR).

O São Paulo voltou para o segundo tempo e o jogo continuou igual. Logo no primeiro minuto, o time brasileiro ampliou o placar para 3 a 0. Nikão esticou a bola para Nestor na linha de fundo, o volante cruzou rasteiro, Eder fez o corta-luz e a bola ficou limpa para Patrick escorar e fazer o gol - foi o primeiro gol do meia, que chegou ao clube no início da temporada, pelo time.

O terceiro gol no primeiro minuto do segundo tempo fez o São Paulo se desconcentrar, principalmente no último passe. Rogério Ceni aproveitou que o jogo se tornou um mero treino - o segundo tempo não parecia nem mesmo amistoso - e fez as cinco substituições. O time ainda perdeu mais algumas boas chances, levou uma bola na trave, mas o jogo ficou mesmo nos 3 a 0.

Agora, o treinador terá uma dura missão: fazer seu time vencer o Corinthians pela primeira vez na Neo Química Arena, no clássico que vale a liderança do Brasileirão, no próximo domingo.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO 3 X 0 JORGE WILSTERMANN

SÃO PAULO: Thiago Couto; Rafinha (Igor Vinícius), Miranda, Luizão e Welington (Reinaldo); Gabriel Neves (Luan), Rodrigo Nestor (Talles), Patrick e Nikão (Luciano); Rigoni e Eder. Técnico: Rogério Ceni.

JORGE WILSTERMANN: Poveda; Montero, Edemir Rodríguez, Echeverría e Robson dos Santos (J. Ortiz); Morales, Raúl Castro (Villarroel) e Edzon Pérez; Áñez (Luis Vargas), Osorio e Serginho (Chávez). Técnico: Sergio Migliaccio.

GOLS: Rodrigo Nestor, aos 6 e aos 16 minutos do primeiro tempo; Patrick, a 1 do segundo.

Árbitro: Ángel Arteaga (VEN).

CARTÕES AMARELOS: Edzon Pérez (Jorge Wilstermann) e Welington (São Paulo).

PÚBLICO: 16.675 pagantes.

RENDA: R$ 516.283,00.

LOCAL: Morumbi, em São Paulo.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;