Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Red Bull Bragantino perde em casa para Estudiantes e se complica na Libertadores



17/05/2022 | 21:42


O Red Bull Bragantino perdeu a chance de encaminhar a vaga às oitavas de final da Copa Libertadores e ainda ficou em situação delicada dentro do grupo, considerado o da "morte", ao ser derrotado pelo já classificado Estudiantes, por 1 a 0, na noite desta terça-feira, no estádio Nabi Abi Chedid, pela quinta rodada.

Com o tropeço em casa, o Bragantino ficou na segunda posição, com cinco pontos, atrás de Nacional (quatro) e Vélez Sarsfield (dois), que se enfrentam nesta quarta-feira. O Estudiantes é o primeiro, com 13.

Contra o líder do grupo, o Bragantino foi cauteloso, mas encontrou muita dificuldade para fazer a infiltração na defesa rival. Artur e Helinho tentaram avançar em velocidade, mas sem sucesso. Ytalo buscou os chutes de longa distância, mas também pouco produziu.

O Estudiantes também não quis se expor, mas criou com mais facilidade. Manuel Castro, em um chute rasteiro cruzado, protagonizou a primeira chance de gol. O time brasileiro equilibrou as ações no final da primeira etapa. Raul tentou de longe, rente à trave.

O primeiro tempo foi de pouca criação de ambos os lados. A melhor chance do Bragantino foi na segunda etapa, aos nove minutos, com Ytalo. O atacante recebeu na entrada da área e jogou muito perto do gol. Logo na sequência, Ramires, de voleio, exigiu grande defesa de Andújar.

O Bragantino estava em cima e não deixava o Estudiantes criar. No entanto, o time argentino resolveu surpreender aos 31 minutos. Manuel Castro arriscou, a bola desviou em Léo Realpe e sobrou para Del Prete. Ele virou uma quase bicicleta para fazer 1 a 0.

O gol fez o técnico Maurício Barbieri jogar o time todo no ataque. O Bragantino martelou, mas a bola insistiu em não entrar. Após cobrança de escanteio, Realpe mandou na trave. Aderlan também teve chance de marcar, mas jogou por cima a última grande chance do time paulista.

Antes do apito final, deu tempo da arbitragem cometer gafes para ambos os lados. O Red Bull Bragantino reclamou muito de um pênalti em cima de Artur, que sofreu um pisão dentro da área. Já o Estudiantes teve um gol anulado marcado por Orosco. O assistente assinalou impedimento, mas o atleta, aparentemente, estava em posição legal. No entanto, nada que tirasse o triunfo do time argentino.

Na próxima rodada, o Red Bull Bragantino enfrenta o Nacional na terça-feira, às 19h15, no Parque Central, no Uruguai. No mesmo dia e horário, o Estudiantes visita o Vélez Sarsfield, no José Amalfitani, na Argentina.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 0 X 1 ESTUDIANTES

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Andrés Hurtado (Aderlan), Realpe, Renan e Luan Cândido; Jadsom Silva (Sorriso), Raul (Praxedes) e Eric Ramires; Artur, Ytalo (Alerrandro) e Helinho (Jan Hurtado). Técnico: Maurício Barbieri.

ESTUDIANTES - Andújar; Godoy, Rogel, Fabián Noguera e Más; Jorge Rodríguez, Zuqui (Kociubinski), Manuel Castro (Toledo), Del Prete (Orosco) e Pellegrini (Zapiola); Leandro Díaz (Boselli). Técnico: Ricardo Zielinski.

GOL - Del Prete, aos 33 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Juan Benitez (PAR)

CARTÕES AMARELOS - Cleiton, Sorriso e Ytalo (Red Bull Bragantino); Del Prete, Godoy, Jorge Rodríguez, Leandro Díaz, Más e Zuqui (Estudiantes)

RENDA - R$ 70.120,00.

PÚBLICO - 4.769 torcedores.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;