Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 16 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ribeirão Pires volta a registrar presença de peixes no Rio Grande

Divulgação/PMETRP Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ações de limpeza e conscientização tem surtido efeito positivo na biodiversidade da estância


Renan Soares
Especial para o Diário

05/05/2022 | 12:23


Os rios e córregos de Ribeirão Pires estão voltando a registrar vida aquática. Desde segunda-feira (2) pela manhã, quem passa pela avenida Valdírio Prisco, na região do Complexo Ayrton Senna, pode testemunhar um cardume de peixes no Rio Grande. A ação é resultado dos esforços feitos pelo município, como ações de limpeza e de conscientização, principalmente a parceria com o governo do Estado, que está limpando um rio e seis córregos em Ribeirão como forma de  reforçar a segurança hídrica da cidade, com desassoreamentos e revitalização.

A cena foi recebida com grande alegria pelas equipes da Secretaria de Meio Ambiente e da ZEMA (Secretaria de Zeladoria e Manutenção Urbana), que desde o ano passado estão trabalhando firme na limpeza de afluentes da Estância. “Isso mostra que o trabalho não está sendo em vão e que estamos conseguindo recuperar um pouco da qualidade dos cursos d’água da nossa cidade”, observa a secretária Andreza Araújo.

O secretário da ZEMA, Rubão Fernandes, destaca o empenho da gestão nesse resultado. “Em pouco mais de um ano, já efetuamos serviços em quase 40 rios e córregos da cidade, promovendo o processo de dragagem, desassoreamento e limpeza das margens”. Os trabalhos de desassoreamento do Rio Grande, no bairro Santana, começaram no início de abril. O rio cruza quase toda a extensão da cidade e atualmente quase 2 km de cursos d’água desassoreados.

Já a veterinária da equipe ambiental, Maria Helena Cavalari, explica que esse conjunto de ações tende a aumentar essa “vida aquática” da cidade. “Um cardume de peixes traz oxigenação para as águas, fato que auxilia na presença dos microorganismos que são benéficos para os nossos rios e que favorece a vida desses animais”. Sobre a ação de desassoreamento a Prefeitura diz que o fato de a cidade estar totalmente localizada em área de recuperação e manutenção de mananciais, e por ser local de proteção ambiental justamente por seu potencial hídrico, as ações impactam todo o município. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;