Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 9 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Ribeirão Pires tem nota A em capacidade de pagamento

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Tesouro Nacional aumenta avaliação do município, que era C, o que abre caminho para obtenção de financiamentos


Wilson Moço
Do Diário do Grande ABC

05/05/2022 | 08:26


A Prefeitura de Ribeirão Pires divulgou ontem que o Tesouro Nacional reclassificou a nota de crédito da administração, elevando para A o Rating Capag (Capacidade de Pagamento) do Executivo. Esse índice é um certificado de ‘bom pagador’ exigido pelo sistema financeiro e significa que o município possui condições de pagar as dívidas, “fato de extrema importância para aquisição de novos investimentos”, conforme avaliação da administração municipal.

Em janeiro do ano passado, quando a atual gestão assumiu a Prefeitura, a estância encontrava-se com a nota C, a pior da categoria, e não possuía qualificação para contrair investimentos. Em pouco mais de um ano, devido a uma política austera e com o saneamento das finanças públicas, apesar da crise causada pela pandemia, a cidade deu um salto e, hoje, já pode, por exemplo, buscar financiamentos em instituições bancárias.

“É com muita alegria que recebemos essa notícia. Diante do quadro de desequilíbrios orçamentário, financeiro e fiscal que encontramos quando aqui chegamos (no início de 2021), ser elevado à nota máxima em cerca de 15 meses só comprova que fizemos bem a lição de casa”, observa o secretário de Administração e Finanças de Ribeirão Pires, Eduardo Pacheco.

Em janeiro de 2021, quando voltou a assumir a Prefeitura após a vitória nas eleições de 2020, o prefeito Clovis Volpi (PL) encontrou dívida de R$ 239 milhões, sendo que R$ 80 milhões eram de restos a pagar contraídos pelo governo Adler Kiko Teixeira (PSDB), segundo levantamento feito pela equipe que havia chegado ao Paço. Em um ano e quatro meses de gestão, a atual administração conseguiu reduzir o débito herdado do tucano em 25%, pagando pouco mais de R$ 20 milhões.

“Gestão moderna, com equilíbrio fiscal, foi o Norte da nossa campanha eleitoral em 2020, pois sabíamos a situação que encontraríamos na Prefeitura. Graças ao trabalho da nossa equipe de finanças e a compreensão de todos, hoje estamos conseguindo fôlego para buscar novos investimentos para a cidade”, comentou o prefeito Clovis Volpi.

Os dados referentes ao Rating Capag estão disponíveis para consulta pública através do site https://www.tesourotransparente.gov.br/temas/estados-e-municipios/capacidade-de-pagamento-capag.

CAUTELA
Apesar de Ribeirão Pires alcançar nota que a coloca como boa pagadora e que permite à administração buscar financiamentos junto a instituições nacionais e internacionais, o secretário de Finanças alerta sobre a necessidade de manter os “pés no chão”.

Ou seja, ele avalia que é preciso cautela em relação a operações de financiamento, para não onerar demais as contas públicas, o que poderia colocar a cidade sob risco de perder a situação de conforto garantida pela nota A no rating que mede a capacidade de pagamento,

“Ainda temos compromissos a serem honrados e precisamos ser muito responsáveis com os gastos públicos. Temos que ser bem criteriosos e contrair dívidas apenas para o que for realmente necessário na nossa cidade, algo que dure muitos anos e que não seja efêmero”, destacou Pacheco 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;