Fechar
Publicidade

Sábado, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Bernardo retoma tratamento oncológico

Divulgação/PMSBC/Gabriel Inamine  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Adaptado para tratamento de Covid, Hospital Anchieta volta à função original que exercia


Da Redação

01/05/2022 | 00:01


Primeiro equipamento de referência para o atendimento de pacientes da Covid-19 em São Bernardo, o novo Hospital Anchieta completou, ontem, dois anos de reabertura, com a retomada dos tratamentos oncológicos – função exercida antes da pandemia. O serviço integra projeto de expansão nacional e foi viabilizado pela Prefeitura junto ao Ministério da Saúde, com investimento de R$ 10 milhões.

Em visita à unidade de Saúde, o prefeito Orlando Morando (PSDB) celebrou a nova transição da unidade, que conta ainda com o primeiro aparelho de radioterapia pública municipal do Grande ABC. O equipamento foi inaugurado no fim do ano passado e pode atender cerca de 80 pacientes por mês.

O chefe do Executivo ressaltou que as 3.041 vidas salvas no equipamento durante o período dedicado ao tratamento exclusivo de pacientes com o novo coronavírus são um importante legado para esta nova fase de retomada do tratamento oncológico, ainda mais eficiente com o novo equipamento de combate ao câncer.

“É uma sensação de trabalho cumprido. Nesta data, fiz questão de vir até o Anchieta cumprimentar todos os profissionais de saúde, que tanto se dedicaram no período de pandemia e que agora continuam no combate diário pela vida dos pacientes oncológicos em nossa cidade”, destacou Morando.

A reestruturação do Hospital Anchieta foi concluída em abril de 2021, após quase mais de um ano de intervenções. Após as modificações, o equipamento de saúde conta com 30 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 70 de enfermaria. Anteriormente, a clínica contava apenas com 19 UTIs.

TRATAMENTO
Todo o tratamento oncológico ofertado pela Prefeitura volta a ser executado pelo Hospital Anchieta. Durante a pandemia, os atendimentos vinham sendo realizados no Hospital de Clínicas, com exceção da radioterapia. O município oferta em média 800 consultas oncológicas mensais, 700 sessões de quimioterapia e outras 500 de radioterapia.

LEITOS COVID-19
Uma ala de isolamento ainda está mantida no hospital para o tratamento de Covid-19, com cinco leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e outros cinco de enfermaria. Durante o período de pandemia, os 100 leitos do Hospital Anchieta ficaram dedicados unicamente ao tratamento da doença. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;