Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Ex-aluna não consegue pegar diploma em universidade


Isis Mastromano Correia
Do Diário do Grande ABC

03/03/2008 | 07:20


A recepcionista Regina Tie Sugahara, 22 anos, de São Bernardo, levou um susto ao solicitar seu diploma do curso de Turismo na Universidade Metodista.

De acordo com a faculdade, o documento não pode ser emitido, pois ela não cursou a disciplina de filosofia.

Regina contesta, diz que frequentou as aulas, fez provas e trabalhos, mas seu nome nunca foi incluído na lista de presença.

O problema começou quando ela pediu transferência de sua antiga faculdade para a Metodista. Ela teve de fazer duas adaptações curriculares, uma em inglês e outra em filosofia.

“Quando percebi que meu nome não estava na lista de chamada pedi para que o professor me incluísse, mas ele informou que isso só poderia ser feito pelo sistema”, disse Regina.

Na época, a recepcionista procurou o setor de atendimento ao aluno da universidade. “Eles me davam um prazo para colocar meu nome, mas nunca cumpriam”, contou.

De acordo com Regina, avaliações e trabalhos, que seriam provas de que ela participou das aulas, ficaram com seu professor.

“Vou conversar com ele (professor) para ver o que podemos fazer”, disse. “Quero prestar concurso público e preciso do meu diploma”, completou.

De acordo com a Metodista, Regina passou a cursar a matéria em 10 de agosto de 2004 e, nesta data, o diário de classe já havia sido impresso e encaminhado para a coordenação do curso.

Desta forma, o nome não constou nesta, mas em todas as listas posteriores.

Segundo a universidade, no diário final consta a nota zero para a aluna. A Metodista diz ainda que Regina deveria ter pedido revisão de nota após a publicação, conforme prevê o manual do aluno.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;