Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 16 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Paulo Serra, de Santo André, e Orlando Morando, de São Bernardo, podem estar nas urnas

Claudinei Plaza/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Prefeitos, com projeção nacional, têm nomes lembrados para disputa ao Palácio dos Bandeirantes


Sérgio Vieira
Do Diário do Grande ABC

23/01/2022 | 00:01


O eleitor do Grande ABC poderá ter a chance de ver o nome nas urnas, na eleição deste ano, de duas das principais lideranças políticas da região: os prefeitos de Santo André, Paulo Serra (PSDB), e de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB). Os dois têm chamado atenção de partidos para entrar na corrida ao Palácio dos Bandeirantes. Enquanto que Paulo Serra tem recebido convite do PSD para sair candidato a governador, Orlando surge como um dos principais nomes para ser o vice na chapa de Rodrigo Garcia (PSDB).

Dois fatos colocam Paulo e Orlando em evidência no cenário político estadual. Primeiro é que os dois tucanos foram reeleitos prefeitos de suas cidades, no ano passado, no primeiro turno e com ampla aprovação (Paulo Serra conquistou 76,88% dos votos válidos e Orlando Morando, 67,28%).

Orlando Morando

O outro fato é que os dois ganharam projeção nacional durante a prévia do PSDB para a escolha do candidato a presidente. O prefeito de Santo André esteve na linha de frente da campanha do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e Orlando atuou ao lado do governador de São Paulo João Doria (PSDB), que venceu a disputa interna.

A declaração mais forte de apoio a Paulo foi dada pelo presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, durante Live do Diário no Facebook no último dia 12. “Torço muito para que ele, saindo do PSDB, tenha o PSD como opção. Tenho por ele uma estima grande.” 

E mais um nome importante do PSD defendeu a filiação de Paulo Serra e sua pré-candidatura ao Palácio dos Bandeirantes: o ex-ministro do governo FHC e ex-vereador de São Paulo Andrea Matarazzo. “O Paulo é um sonho de consumo, porque tem feito uma gestão brilhante. Ele é jovem e experiente, exatamente o estilo de político que o Brasil precisa”, disse Matarazzo, em entrevista ao Diário na sexta-feira. 

Do lado de São Bernardo, Orlando tem recebido declarações públicas de apoio à sua participação na chapa de Rodrigo Garcia. Também em entrevista ao Diário, em dezembro, o secretário-particular de Doria Wilson Pedroso, falou da possibilidade real da participação do prefeito de São Bernardo na chapa. “Ele sempre foi um grande aliado e pode sim ser candidato a vice”, disse, na ocasião.

Dificilmente, no entanto, Orlando poderia ser vice pelo PSDB. Por isso, tem estreitado relações com dirigentes do MDB e do União Brasil, que podem acolhê-lo para ocupar a vaga.

Mas, para que possam estar nas urnas deste ano, tanto Paulo quanto Orlando teriam de renunciar aos cargos até o início de abril, o que acrescenta um ingrediente extra, e um pouco mais complexo, no momento em que a disputa estiver se afunilando. Fato é que, independentemente da decisão final, a movimentação dos dois experientes políticos tem atraído os holofotes para o Grande ABC, que já passa a ter um protagonismo na eleição.

Procurados pelo Diário para comentar a possibilidade da participação na eleição estadual, os prefeitos responderam por nota. “Fico lisonjeado em ter o nome lembrado, mas reafirmo o compromisso de seguir atendendo a população de Santo André, principalmente nas ações de combate à Covid-19”, disse Paulo Serra. 

A nota do tucano de São Bernardo foi na mesma linha: “O prefeito Orlando Morando informa que fica honrado em ter seu nome lembrado para projetos maiores, porém, reafirma seu compromisso de continuar trabalhando pelo bem de São Bernardo”.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;