Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Futuro da mobilidade: designer da Nissan conta onde busca inspiração

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação
Do 33Giga

07/12/2021 | 15:55


John Sahs, designer-chefe do Nissan Design América Latina, iniciou sua carreira na Nissan no ano 2000. Sua paixão por carros e design, entretanto, nasceu muito antes.

Atualmente, ele comanda a equipe do Nissan Design América Latina, responsável pela criação de veículos icônicos para a região e o mundo, com destaque para o Nissan Kicks, o veículo mais vendido pela marca na América do Sul.

Saiba mais sobre quem está por trás de uma cultura de design automotiva própria e quer levar a filosofia do design da Nissan para outras áreas da sociedade.

 

 

Como você começou a se interessar por design e o que fez com que você escolhesse essa carreira?

Bem, vou ter que começar voltando um pouco no tempo, quando eu era garoto. Eu estava assistindo ao vídeo de um pintor e eu fiquei simplesmente impressionado porque ele estava criando montanhas e árvores, fazendo realces e sombras. Aquilo estava surgindo no papel como se fosse mágica e acabou me influenciando muito. Por isso, fiquei bastante focado em arte quando eu era criança.

Depois disso tive que escolher qual faculdade iria cursar. Falei com meu orientador educacional e ele me perguntou: ‘Do que você gosta?’ Então, eu me lembro de ter dito a ele ‘bem, eu gosto de arte e eu gosto de carros’. E ele disse ‘e se você fosse um designer automotivo?’

Os designers automotivos são pessoas que criam os modelos, formas, cores e materiais. São eles que realmente criam o que vemos nas ruas. Eu vi aqueles modelos maravilhosos, elegantes, futuristas e aerodinâmicos, vi aqueles sketches e eles ainda estão gravados em minha memória até hoje. Então eu disse: agora sei que eu quero ser designer automotivo. A frase que me vem à memória daquela época é ‘John, você quer dar forma ao futuro?’

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga’

O que diferencia o design da Nissan?

Na época em que estudei no Centro de Artes, eu me lembro do primeiro semestre, quando um amigo meu chegou dirigindo o novo Nissan 300ZX no campus. Aquilo mexeu comigo. O design era incrível. Eu nunca tinha visto algo parecido. Ele é tão bonito e ao mesmo tempo tão simples e icônico. Quero dizer, mesmo agora, eu me lembro de todos os detalhes. Quando vi esse carro pela primeira vez no campus, fiquei tão impressionado que disse: ‘eu quero trabalhar para a Nissan’.

Leia mais:
“A pandemia iniciou novos tipos de fake news”, diz fundador do E-Farsas
Boatos: os maiores absurdos que se espalharam pela internet

Fake news: você realmente sabe identificar notícias falsas?

Mais tarde, no ano 2000, eu entrei para a Nissan. Foi muito interessante porque eles estavam montando a equipe de design, contratando muitos estrangeiros de outras empresas para se unirem ao design mundial, que fica no Japão. Então eu fui entrevistado pelo VP de design, Shiro Nakamura. A entrevista foi incrível porque ele me disse algo que realmente impactou a forma como vejo minha carreira. ‘Você está tendo a oportunidade de entrar para a Nissan para colocar sua impressão digital em um dos 40 carros que vamos lançar nos próximos 10 anos’. Aquele desafio foi extremamente interessante.

E por falar na equipe de design, como as diferentes culturas e origens de toda a equipe contribuem para o processo de criação?

Um projeto que acho que fez uma grande diferença em minha carreira foi a terceira geração do Cube, em 2005. Foi formada uma nova equipe – essa é a coisa mais empolgante em cada projeto que fazemos. Você trabalha com pessoas diferentes, que têm diferentes experiências, históricos diferentes.

Naquela época, o Alfonso Albaisa, que é atualmente nosso vice-presidente sênior de design, era gerente de design. Foi muito agradável e inspirador trabalhar com o Alfonso e ver como ele inspirava a equipe realmente exerceu uma grande influência em mim. Eu pensei comigo mesmo: ‘se um dia eu liderar uma equipe; gostaria de ser como ele’.

Eu me lembro de fazer uma viagem a trabalho para o Japão, quando o Alfonso me pediu para ir até a sala dele. Ele disse: ‘John, você gostaria de ir para o Brasil’? As palavras dele foram muito simples e claras: ‘Eu quero que você faça um trabalho disruptivo. Eu realmente quero que você faça um trabalho disruptivo na região com o design da Nissan. Eu quero que você trabalhe o design de forma abrangente, não apenas os nossos carros; você pode ir além dos carros e realmente levar o DNA do design da Nissan para outras áreas’.

Que conselho você daria a alguém que esteja interessado na carreira de design automotivo?

Meu conselho para qualquer pessoa que tenha interesse em se tornar um designer automotivo é: siga o seu coração e não desista – mantenha o foco. Seja persistente. Essas palavras que estou dirigindo a vocês representam a forma como eu sigo minha carreira em design automotivo. A criatividade é 90% suor e 10% outras influências e inspirações.

 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;