Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Truth: a rede social de Donald Trump

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação
Do 33Giga

07/12/2021 | 13:55


* Por Vivaldo José Breternitz // Em outubro passado, Donald Trump anunciou o lançamento de sua própria rede social, ironicamente chamada Truth (verdade). Como o ex-presidente foi banido das principais redes, seu objetivo é poder voltar a se comunicar com milhões de pessoas sem ser impedido pelas big techs, que controlam as redes que o baniram.

Leia mais:
“A pandemia iniciou novos tipos de fake news”, diz fundador do E-Farsas
Boatos: os maiores absurdos que se espalharam pela internet

Fake news: você realmente sabe identificar notícias falsas?

Apesar de a Truth não ter ido para o ar em novembro, como fora anunciado, o ex-presidente anunciou que o Trump Media and Technology Group (TMTG), empresa que operacionalizará a nova rede, acaba de receber US$ 1 bilhão de um “grupo diversificado de investidores institucionais”, embora não tenha divulgado o nome de nenhum deles.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Após esse aporte, o TMTG foi avaliado em US$ 4 bilhões.

Um bilhão de dólares é muito dinheiro: em 2021, o Facebook comprou o Instagram para esse valor. Com o montante, os Estados Unidos poderiam vacinar mais de 40 milhões de pessoas contra a covid-19 e o Serviço Secreto poderia proteger o presidente e sua família por um período de sete meses.

No entanto, apesar de todo esse dinheiro estar disponível, nada garante que a Truth fará sucesso. Basta lembrar o caso da Parler, rede social de extrema direita que praticamente desapareceu depois que o Google e a Apple a expulsaram de suas lojas de aplicativos eque  a maioria das empresas de nuvem se recusou a fornecer-lhe serviços de hospedagem.

Trump e sua rede Truth  devem ter mais problemas: a SEC, órgão do governo americano equivalente à nossa Comissão de Valores Mobiliários, está investigando aspectos societários da TMTG, o que poderá dificultar ainda mais as coisas para a Truth, que se for para o ar certamente não fará jus ao nome.

*Vivaldo José Breternitz, Doutor em Ciências pela Universidade de São Paulo, é professor do Programa de Mestrado Profissional em Computação Aplicada da Universidade Presbiteriana Mackenzie



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;