Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Medvedev e Rublev vencem croatas e Rússia conquista Copa Davis pela terceira vez



05/12/2021 | 16:33


A Rússia conquistou neste domingo, pela terceira vez em sua história, o título da Copa Davis. Muito graças à campanha perfeita de Daniil Medvedev, atual número 2 do mundo, nesta edição da competição realizada em Madri, na Espanha. Pouco depois de Andrey Rublev, quinto colocado do ranking da ATP, vencer o jogo de abertura no confronto - 6/4 e 7/6 (7/5) contra Borna Gojo -, foi a vez de o vice-líder definir a série por 2 a 0 ao superar Marin Cilic por 7/6 (9/7) e 6/2.

A equipe russa já havia conquistado a Davis em 2002 e 2006, além dos vice-campeonatos em 1994, 1995 e 2007. O país também já disputou as competições sob bandeiras da União Soviética, entre 1962 e 1991, e da Comunidade dos Estados Independentes (CEI) em 1992. Na atual temporada, os russos não podem usar a bandeira e hino, utilizando o emblema da Federação de Tênis do país.

Na galeria de tricampeões da Davis, os russos se igualam aos times da República Checa e da Alemanha. Os recordistas são os Estados Unidos, com 32 conquistas, seguidos pela Austrália com 28. França e Grã-Bretanha têm 10 títulos, com sete para a Espanha. Já a vice-campeã Croácia segue com dois troféus na Davis, em 2005 e 2018.

A conquista também consolida um ano perfeito dos tenistas russos em competições por equipes. Logo no início da temporada, a equipe formada por Rublev, Medvedev e Aslan Karatsev venceu a ATP Cup na Austrália. E no mês passado, as mulheres russas venceram a Copa Billie Jean King em Praga, superando a Suíça na final.

Medvedev fez uma campanha perfeita na Copa Davis deste ano, já que não perdeu nenhum set nos cinco jogos que disputou. Durante a fase de grupos, o número 2 do mundo venceu seus jogos contra Emilio Gomez e Pablo Carreño Busta nos confrontos contra Equador e Espanha, respectivamente. Nas quartas contra a Suécia, derrotou Mikael Ymer. Já na semifinal contra a Alemanha, passou por Jan-Lennard Struff. Aos 25 anos, o russo tem agora oito vitórias e apenas duas derrotas em partidas de simples pela Copa Davis.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;