Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Vereador pretende alterar o nome do Parque Celso Daniel

Celso Luiz/ DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Márcio Colombo apresentou propositura na qual pede que área de lazer em Santo André volte a ser chamada Duque de Caxias


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

03/12/2021 | 04:50


Vereador em Santo André, Márcio Colombo (PSDB) apresentou projeto no qual pede que o Parque Prefeito Celso Daniel, no bairro Jardim, volte a ser nomeado como Parque Municipal Duque de Caxias, nome com o qual foi identificado até 2002.

O parlamentar alega que o pedido para mudança de nome do equipamento público se deve ao fato de a família do prefeito de Santo André, morto em 2002, já ter recebido outras homenagens na cidade, como na estação da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) que fica no Centro, além do Estádio Municipal Bruno José Daniel, que homenageia o também ex-mandatário da cidade e pai de Celso.

“Fica denominado Parque Duque de Caxias – Centro de Exposições e Lazer o parque público atualmente denominado como Prefeito Celso Daniel, localizado entre as avenidas Dom Pedro II e Industrial”, sustenta o projeto do vereador, que ainda deverá ser apreciado pela Câmara.

Para embasar o pedido de troca de nomes, Colombo resume a vida de Duque de Caxias, assim como parte de sua vida política, ainda no período em que Dom Pedro II regia a Nação.

“Caxias se tornou membro do Partido Regressiats na década de 1840, que depois se tornou o Partido Conservador. Foi eleito senador em 1846 e, dez anos depois, virou o presidente do conselho de ministros (…). O breve relato demonstra a relevância que Duque de Caxias teve na história de nossa Nação”, afirma o parlamentar, na propositura.

POLÊMICO

Consciente de que o projeto poderá suscitar polêmica na cidade, Colombo afirmou que a ideia não esbarra em movimento político, já que o tucano levanta na Câmara bandeiras relacionadas ao antipetismo.
“De forma alguma (é questão política). Isso não é uma afronta. (O prefeito) Celso Daniel está devidamente homenageado na história de Santo André, pelo que foi e pelo que representou. Mas isso não justifica desomenagear Duque de Caxias. Esse projeto não é uma afronta política, é para restabelecer o correto”, alegou o vereador em conversa com o Diário.

Presidende do Legislativo e correligionário de Colombo, Pedrinho Botaro (PSDB) defende que, independentemente das posições políticas e partidárias, o prefeito Celso Daniel teve seus méritos e deve ser lembrado. “Eu não conversei com o vereador (Colombo) sobre isso (o projeto), mas acho que depois de uma homenagem feita, não existe desomenagear”, alegou.  



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;