Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Conheça a Rota 40, uma das estradas mais lindas da Argentina

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Redação
Do Rota de Férias

01/12/2021 | 19:55


A pandemia de covid-19 reforçou ainda mais a tendência de viajar de carro, moto e motorhome. Quem sonha em fazer uma road trip incrível pela América do Sul pode planejar um roteiro pela famosa Rota 40, estrada Argentina que voltou a ser frequentada por turistas após a flexibilização das regras para entrada de estrangeiros no país.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Conheça a Rota 40

A Ruta Nacional 40 (nome oficial em espanhol) é uma das maiores estradas do mundo. Ela vai do Cabo Virgenes, no Sul, em plena Patagônia – à beira do Estreito de Magalhães – até o extremo norte da Argentina, em La Quiaca, província de Jujuy, próximo à Bolívia, correndo paralela à Cordilheira dos Andes.

Ao longo de cerca de 5.200 km, a estrada passa por glaciares ao Sul e desertos ao Norte. Em seu caminho, o viajante encontra 20 Parques Nacionais e Monumentos Naturais, cruza 236 rios e 27 postos de fronteira com o Chile. Além disso, é possível contemplar quatro das sete Maravilhas Naturais da Argentina (eleitas pelo voto popular): o Glaciar Perito Moreno, o deserto de Salinas Grandes, o Parque Nacional de Talampaya e o Parque Nacional de Nahuel Huapi, em torno do lago que banha a cidade de Bariloche.

A rodovia começa próxima ao nível do mar, no Sul, no farol do Cabo Vírgenes. Depois, chega a 4.895 metros de altitude, no trecho rodoviário mais alto do continente americano, ao passar por Abra del Acay, na província argentina de Salta, ao Norte.

Seguro viagem prático e eficiente – Ganhe 5% de desconto ao usar o cupom ROTADEFERIAS5 na caixa “Cupom de desconto” da Seguros Promo.

Acesso para brasileiros

Para quem mora no Sul do Brasil, é possível chegar à Rota 40 de automóvel ou moto. Outra opção – ideal para quem está um pouco mais distante da fronteira com os hermanos – é chegar de avião em alguma das cidades maiores ao longo do caminho, como Mendoza, Salta ou Bariloche, e de lá alugar um veículo.

Como o percurso é imenso – maior que a distância entre Madri, na Espanha, e Moscou, na Rússia – a grande maioria dos viajantes prefere desbravar apenas um trecho específico. A região da Patagônia, por exemplo, tem invernos rigorosos. Por isso, os motoqueiros costumam visitá-la no verão, de dezembro a março.

PLANEJE SUA VIAGEM

Ao planejar uma viagem para curtir a Rota 40, é importante ficar atento a uma série de detalhes. Na hora de comprar passagens aéreas mais baratas, alugar carros e reservar hotéis, bem como passeios, transfers e ingressos para eventos, usamos as ferramentas abaixo, sempre muito úteis.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;