Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

'Talvez tenha sido o pior ano da história do Vasco', diz presidente



28/11/2021 | 20:08


O Vasco se despediu da Série B do Campeonato Brasileiro com uma derrota por 3 a 0 para o Londrina, no estádio do Café, em Londrina (PR). Sem chance de acesso, o time carioca entrou em campo só para cumprir tabela e terminou a competição na 10.ª colocação, com apenas 49 pontos. Uma grande decepção para um campeão brasileiro e que esperava retornar para a elite um ano após seu rebaixamento.

Ao fim da partida, o único a falar foi o presidente Jorge Salgado. Ele fez um pronunciamento sem responder as perguntas dos jornalistas e pediu desculpas ao torcedor cruzmaltino. "Hoje é um dia muito triste para todos nós. Realmente esse ano foi um desastre para o futebol do Vasco. Quando começou o ano a gente teve a possibilidade de realizar um bom trabalho, mas no decorrer do ano as coisas não foram dando certo e a gente termina o ano dando um vexame tremendo. Talvez tenha sido o pior ano da história do Vasco, no ponto de vista do futebol, não vou falar de outras coisas, só de futebol", afirmou.

"Pedir as minhas desculpas aos torcedores do Vasco é a única coisa que eu posso dizer. E também é que a gente já começou a trabalhar para montar novamente o futebol para o ano de 2022. Então, mais uma vez, dizer que compactuo com o sentimento do torcedor e infelizmente é uma situação muito ruim. Vamos olhar para frente e ver o que podemos fazer para corrigir essa situação", concluiu Salgado.

O Vasco se despediu da Série B com um longo jejum de vitórias. Foram oito jogos sem vencer - três empates (Náutico, Vila Nova e Remo) e cinco derrotas (CSA, Guarani, Botafogo e Vitória, além do Londrina). A última vitória vascaína aconteceu no dia 16 de outubro sobre o Coritiba por 2 a 1, no Rio de Janeiro.

A semana será decisiva no clube para definições para 2022. Uma das prioridades é a contratação de um técnico. Desde a demissão de Fernando Diniz, no dia 11 de novembro após derrota para o Vitória por 3 a 0, pela 35.ª rodada, o time carioca é dirigido interinamente por Fábio Cortez.

Antes de definir quem vai comandar o time dentro de campo em 2022 para buscar o acesso para a Série A, a diretoria quer até quarta-feira definir a contratação de Ricardo Gomes para ocupar a função de coordenador no lugar do diretor executivo Alexandre Pássaro, que saiu junto com Diniz.

Ricardo Gomes tem história em São Januário, onde conquistou a Copa do Brasil em 2011 como treinador e foi diretor técnico dois anos depois. Para o cargo de diretor-executivo, o clube sonha com Anderson Barros, que está no Palmeiras. O elenco de jogadores deve sofrer uma grande reformulação. Até mesmo o ídolo e artilheiro German Cano pode deixar o grupo, porque ele teria propostas de clubes da Série A.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;