Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 29 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Nem eu nem tu


Júnior Carvalho

25/11/2021 | 22:45


O governo do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), completou nesta semana um mês sem enviar projetos à Câmara. O temor de derrota se dá em decorrência da movimentação do G-10, grupo de vereadores governistas que tem dificultado a vida da gestão tucana. Esta coluna vem mostrando que o Paço tem pisado em ovos quando o assunto é o Legislativo. Na sessão de quarta-feira, porém, o governo decidiu contra-atacar e conduziu movimento para impedir a apreciação de projetos de um dos vereadores do bloco, Glauco Braido (PSD). Líder do governo na casa, Ivan Silva (PP) praticamente arrastou os colegas do plenário para obstruir a votação. Conseguiu. A estratégia ocorreu dois dias depois de o grupo promover almoço a fim de bater o martelo sobre o lançamento de dois nomes do G-10 para disputar cadeiras na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa, ideia que atrapalharia o projeto de reeleição da deputada estadual Carla Morando (PSDB).

BASTIDORES

Corrida pela vice
Tem chamado a atenção o prestígio do prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado (PSDB), junto ao governador João Doria (PSDB), durante as aparições da cúpula do tucanato paulista quando o assunto é o processo de prévias do partido, que foi suspenso no domingo após fracasso do aplicativo. Além de representar o governador em algumas declarações à imprensa, Luiz Fernando teve assento reservado durante coletiva realizada por Doria e pelo ex-prefeito Arthur Virgílio (Manaus) na terça-feira, quando falaram sobre o futuro da disputa. Em tempo: Luiz Fernando também busca a vaga de vice na chapa tucana na corrida ao Palácio dos Bandeirantes, que terá o hoje vice-governador Rodrigo Garcia (PSDB) como candidato. O cargo também é vislumbrado pelo prefeito Orlando Morando (São Bernardo).

Licença
O prefeito Santo André, Paulo Serra (PSDB), se licenciará do cargo por uma semana a partir de amanhã. O tucano fará hoje, no gabinete, a transmissão do cargo ao vice-prefeito Luiz Zacarias (PL). Paulo Serra é um dos principais coordenadores da campanha do governador Eduardo Leite (PSDB, Rio Grande do Sul) nas tumultuadas prévias do tucanato para a escolha do presidenciável do partido no ano que vem.

Legislação
O deputado estadual Thiago Auricchio (PL), de São Caetano, apresentou ontem o Código Paulista de Defesa da Mulher, compilado de legislações que visam proteger mulheres vítimas de violência. O evento, que ocorreu em clube da cidade, reuniu lideranças políticas do município, como o prefeito interino Tite Campanella (Cidadania), o presidente da Câmara, Pio Mielo (PSDB), e a ex-primeira-dama Denise Auricchio, mãe de Thiago.  



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;