Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 23 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PSDB quer concluir prévia até domingo

Divulgação/Palácio Piratini/Gustavo Mansur Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Partido aguarda resposta de empresa responsável por aplicativo e pode trocar de fornecedora


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

23/11/2021 | 05:25


Após longa reunião na sede do partido em Brasília, o PSDB decidiu que concluirá a votação das prévias presidenciais entre os governadores João Doria, de São Paulo, e Eduardo Leite, de Rio Grande do Sul, e do ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto até domingo. O partido também não descartou utilizar tecnologia privada caso o aplicativo, criado especialmente para a definição do candidato tucano ao Palácio do Planalto, continue a apresentar problemas, como os que ocorreram no último domingo.
A decisão do tucanato veio após falhas no aplicativo que foi utilizado para registrar os filiados do partido que votariam em um dos três concorrentes, Virgílio, Doria ou Leite, para definir quem participará da disputa presidencial do ano que vem. O programa, entretanto, apresentou diversas falhas, o que colocou o resultado da prévia em dúvida. A votação foi suspensa ainda no domingo.

Prefeitos tucanos do Grande ABC divergiram sobre o posicionamento do partido. O chefe do Executivo de Santo André, Paulo Serra (PSDB), declarou que não há motivo para adiar ou prorrogar a prévia, já que o processo pode ficar ainda mais “distorcido”.
“Não tem por que adiar, por que prorrogar (a prévia) Porque o processo pode ser cada vez mais distorcido. E o desgaste que já há para o PSDB pode se agravar. Na minha opinião, o nosso esforço é para que o quanto antes essa prévia seja restabelecida e a gente possa apresentar para o Brasil uma alternativa dentro desse cenário polarizado que a gente vive hoje”, avaliou Serra, que foi um dos coordenadores da campanha de Eduardo Leite na região.

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), integrante da executiva nacional do PSDB, defendeu que a eleição ocorra somente após o aplicativo apresentar condições para registrar os votos dos filiados que estiverem aptos a participar da prévia.
“O prefeito Orlando Morando defende que a votação não passe do próximo domingo, em respeito aos filiados. É importante destacar que a campanha de João Doria sempre defendeu as urnas eletrônicas nas prévias, mas respeitou a decisão do partido em utilizar apenas o aplicativo como meio de votação”, declarou por meio de nota. Morando é um dos maiores apoiadores do governador João Doria.

Aproximadamente 44 mil pessoas se cadastraram para participar da disputa e votar nas prévias do partido. O tucanato ainda previu que 700 mandatários apareceriam para votar presencialmente nas urnas que estavam instaladas em Brasília. O PSDB ainda não divulgou o que pode ter causado instabilidade no aplicativo, mas irá cobrar explicações da Faurgs (Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul), empresa responsável pelo aplicativo de votação. “Se até esta terça-feira (hoje) ela não oferecer garantias concretas de viabilidade e robustez da solução contratada, o PSDB adotará tecnologia privada para concluir o processo de prévias”, informou o partido.

Na semana passada, o Diário mostrou que tucanos da região também enfrentaram problemas no cadastro do aplicativo utilizado. Alguns reclamaram que não conseguiam efetuar o registro até o fim, o que impossibilitaria a participação da votação. Márcio Canuto, uma das lideranças tucanas do Grande ABC, chegou a comentar que relatava os problemas encontrados no programa à executiva nacional do PSDB, em Brasília.  



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;