Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Biden: há acordo entre democratas sobre pacote social e ambiental de US$ 1,75 tri



28/10/2021 | 13:28


O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta quinta-feira que há um acordo entre governistas sobre o escopo do pacote de gastos sociais e com foco no combate à mudança climática. A legislação é um dos pilares da agenda econômica do mandatário. A tramitação deste projeto e de outro que prevê investimentos em infraestrutura está paralisada no Congresso em meio a divergências entre as diferentes alas do Partido Democrata.

"Hoje, tenho o prazer de anunciar que, após meses de negociações difíceis e ponderadas, acho que temos, sei que temos um plano econômico histórico", declarou o chefe da Casa Branca em um pronunciamento na residência oficial do governo norte-americano.

Sem dar detalhes, Biden disse que voltará a abordar o assunto quando voltar de sua viagem à Europa. O presidente embarca nesta quinta em direção ao Velho Continente para participar da COP-26, a conferência do clima da Organização das Nações Unidas (ONU), e da Cúpula do G-20.

"Ninguém conseguiu tudo o que queria, incluindo eu. Isso é se comprometer", disse Biden, em referência às negociações entre as alas "moderada" e "progressista" do Partido Democrata.

Segundo Biden, os gastos sociais, ambientais e na área infraestrutura, os três pilares de sua agenda econômica, permitirão aos EUA "competir na economia do século 21".

"Não se trata de esquerda versus direita ou moderados versus conservadores. É sobre liderar o mundo ou deixar o mundo passar por nós", reforçou o presidente. "Compromisso e consenso são a única maneira de fazer grandes coisas em uma democracia."

Mais cedo, a Casa Branca publicou uma versão revisada do pacote social e ambiental, com uma redução do montante de US$ 3,5 trilhões para US$ 1,75 trilhão. O enxugamento dos gastos previstos na legislação foi uma exigência de democratas centristas, mas desagradou a ala progressista da legenda, ligada à esquerda.

Dentre os pontos do projeto estão: garantir dois anos de pré-escola gratuita para todas as crianças de 3 e 4 anos; expandir o acesso a casas de repouso para idosos e pessoas com deficiência; medidas para reduzir emissões de gases de efeito estufa; expandir a cobertura de seguro-saúde; e reduzir custos para a classe média.

De acordo com Biden, os gastos são fiscalmente responsáveis e não aumentam o déficit público do país. Para financiar a legislação, que ainda precisa ser aprovada no Congresso, o democrata propõe, entre outras medidas, a implementação de um imposto corporativo mínimo de 15%.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;