Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 2 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Taxas futuras de juros disparam até 51 pontos após baixas na equipe de Guedes



22/10/2021 | 09:51


Os juros futuros começaram esta sexta-feira (22) em alta, conforme era esperado após o anúncio da saída do secretário especial do Tesouro e Orçamento, Bruno Funchal, e do secretário do Tesouro, Jeferson Bittencourt, juntamente com seus adjuntos, insatisfeitos com as manobras da ala política para driblar o teto de gastos com o Auxílio Brasil.

Nas máximas, as taxas chegaram a subir 51 pontos-base, no caso do DI para janeiro de 2023, que também reflete a percepção de que o Banco Central terá que ser mais agressivo com a política monetária.

Às 9h18 desta sexta, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2023 subia para 10,87% (máxima de 11%), de 10,49% no ajuste de quinta-feira. O DI para janeiro de 2025 ia para 11,85% (máxima de 11,94%), de 11,49%, e o para janeiro de 2027 subia para 12,13% (máxima de 12,22%), de 11,80% no ajuste da véspera.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;