Fechar
Publicidade

Domingo, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Empresário acusado de ajudar Venezuela a fugir de sanções é extraditado aos EUA



17/10/2021 | 09:26


Alex Saab, empresário acusado por promotores americanos de criar uma rede global de empresas para ajudar o governo da Venezuela a fugir das sanções de Washington, foi extraditado no sábado para os Estados Unidos, disseram seus advogados.

Saab saiu de Cabo Verde, uma ilha da África Ocidental, em uma aeronave do Departamento de Justiça dos EUA, encerrando uma batalha de 16 meses pelo negociador nascido na Colômbia. Os promotores americanos acusam Saab de ter canalizado mais de US$ 350 milhões de uma série de contratos do governo venezuelano por meio do sistema financeiro dos EUA.

No sábado, com a extradição em andamento, o regime do presidente venezuelano Nicolás Maduro divulgou nota dizendo que "denuncia o sequestro do diplomata venezuelano Alex Saab pelo governo dos Estados Unidos".

O Departamento do Tesouro dos EUA também colocou Saab e seus cúmplices em uma lista de sanções, incluindo três enteados de Maduro, por supostamente usarem o programa alimentar do país e recursos de ouro para lavar ativos estatais roubados. Na Colômbia, que é aliada dos EUA contra Maduro, os promotores disseram no ano passado que estavam investigando as acusações de que Saab lavava dinheiro para traficantes de drogas. Fonte: Dow Jones Newswires



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;