Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pochettino fala de Neymar no PSG: 'Não tenho dúvidas de que quer estar em Paris'

C.Gavelle/PSG  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


14/10/2021 | 10:58


Não há dúvidas de que Neymar é um dos jogadores favoritos do técnico do Paris Saint-Germain, o argentino Mauricio Pochettino. Em entrevista ao programa de TV espanhol El Partidazo de COPE, o comandante da equipe de Paris poupou palavras nem elogios para falar do atacante brasileiro. Deu a sua opinião sobre o futuro do craque, que recentemente revelou que a Copa do Mundo de 2022 pode ser a última da sua carreira.

"O Neymar é um dos melhores jogadores do mundo, com 29 anos, que desde pequeno tem estado sob pressão para fazer grandes coisas no futebol. Tem incrível força mental, caráter e enorme sensibilidade. Não tenho dúvidas de que ele quer estar em Paris, mostrar sua coragem e dar ao clube aquela cobiçada Liga dos Campeões que ele tem procurado por tantos anos", disse o treinador.

Depois de vencer o Metz por 2 a 1, há duas semanas, pelo Campeonato Francês, Pochettino defendeu Neymar das críticas, dizendo que enxerga uma cobrança exagerada sobre o craque para que ele tenha atuações sempre acima da média. "Neymar não é difícil de administrar. Eu o respeito muito. Posso dizer que Ney é uma pessoa muito sensível, muito carinhosa, tem um sorriso e não é difícil viver com ele de jeito nenhum. Temos um ótimo relacionamento", opinou.

Defendendo a seleção brasileira no momento, o próximo compromisso de Neymar é diante do Uruguai, nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), em Manaus, pela 12.ª rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, que será no Catar.

Neymar fez a sua estreia na seleção em agosto de 2010, época que ainda defendia o Santos. Com o Brasil foram 114 jogos e 69 gols, se tornando o segundo maior artilheiro do Brasil, atrás de Pelé. De acordo com a Fifa, são 77 gols do Rei do Futebol, enquanto que a CBF registra 95 bolas na rede.

O atual camisa 10 da seleção brasileira tem o título da Copa das Confederações de 2013. Pela seleção olímpica, foi campeão nos Jogos do Rio-2016, além do Sul-Americano Sub-20, em 2011.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;