Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Segredo para bom desempenho no Enem


Do Diário do Grande ABC

27/09/2021 | 00:01


O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é um momento importante na vida dos jovens que têm o objetivo de conquistar vaga em universidade pública ou bolsa em instituição privada. Mas, para que o estudante tenha bom desempenho na prova, é preciso mais que responder corretamente às questões de múltipla escolha: o interessado em ingressar num curso superior precisa ter senso crítico para desenvolver uma boa redação. Um dos segredos para um bom desempenho no Enem é, portanto, caprichar na escrita.

A instituição sem fins lucrativos norte-americana Education Northwest, que atua para transformar o ensino e a aprendizagem, desenvolveu um modelo de instruções chamado 6+1 Trait Writing para ajudar educadores a trabalhar a escrita com os alunos em sala de aula. Segundo o artigo publicado no site da organização, um bom texto conta com a mensagem principal, uma boa estrutura, opinião crítica, vocabulário adequado, ritmo e fluência, gramática correta e boa apresentação.

Portanto, o estudante que tem formação crítica e sabe se expressar sai na frente na hora de escrever uma redação para o Enem. Vale ressaltar que, entre os critérios de avaliaçã, estão a capacidade de interpretação e de organização das ideias, a argumentação e a capacidade de propor soluções. Tudo isso é adquirido por meio de metodologias voltadas à criação e ao protagonismo infantil e esses conceitos devem ser aplicados já nos primeiros anos escolares. Afinal, é desde a infância que o senso crítico se desenvolve.

É claro que, com a pandemia, as escolas enfrentaram muitos desafios e precisaram se adaptar às pressas ao ensino remoto. Infelizmente, isso ainda é uma dificuldade para boa parte das instituições, especialmente as públicas, e, por isso, muita coisa acabou ficando para trás. No entanto, os educadores não podem deixar de estimular seus alunos, promovendo a criação de coisas novas. Ao longo desses anos atuando com crianças, conseguimos entender que as novidades são indispensáveis para instigar a reflexão.

Lá na frente, nos últimos anos escolares, tudo isso fará diferença não apenas na hora de escrever uma boa redação para o Enem, mas também quando este jovem vier a ingressar no mercado de trabalho, que cada vez mais exige discernimento e respeito aos valores e às diferenças socioculturais. Precisamos colocar os alunos no centro da aprendizagem agora, estimular a curiosidade e a criatividade para que, no futuro, eles possam se destacar como universitários e como profissionais. O caminho para isso é o da democratização do ensino e das metodologias que acompanham as novas demandas.

Gilberto Barroso e Vitor Azambuja são criadores e gestores da plataforma educacional De Criança Para Criança.

Palavra do Leitor

Memória 

Sou felizardo, porque tenho a prerrogativa de ler – diariamente – a Coluna ‘Medicinete’ Palavra do Leitor, publicada neste prestigioso periódico e – melhor ainda – ler as missivas, que envio à Página Memória. Saudações memorialistas. 

João Paulo de Oliveira
Diadema

Vinte e sete vereadores 

A males que vêm para o bem. Com a aprovação das seis cadeiras para vereadores (Política, dia 24), Santo André irá servir de parâmetro para o resto do Brasil. Para que nas próximas eleições haja uma limpeza geral não somente na Câmara de vereadores, mas em todos cargos políticos, para que realmente tenhamos um Brasil melhor e nos livrando desses candidatos que só pensam única e exclusivamente nos interesses próprios. A hora está chegando, para de uma vez por todas, darmos um basta nesse câncer que está acabando com a nossa Nação. Não adianta depois chorar de pé na pia, pois quem se cala, concente. Desperta, se Liga e Acorda Brasil. 

Sergio Antonio Ambrósio
Mauá

Primeira-dama

Se, infelizmente, estamos convivendo com um presidente como Jair Bolsonaro, irresponsável e nocivo ao País, o que falar da sua mulher, Michelle Bolsonaro, que como primeira-dama – diga-se de araque – desta República, desprezou o SUS e deixou de dar um bom exemplo a população, quando preferiu ser vacinada contra a Covid-19, na última quinta-feira, nos Estados Unidos. Ora, por que então não se vacinou no Brasil, já que o grupo da sua idade foi imunizado a partir de 23 de julho? Essa obscura Michelle jamais vai honrar esse cargo que ocupa. Como fizeram Sarah Kubistchek, e Ruth Cardoso, respectivamente esposas já falecidas de Juscelino e de FHC. 

Paulo Panossian
São Carlos - SP

Lei das Antenas

Leio neste prestigioso Diário que Santo André se torna referência nacional para gestores quando o assunto é a instalação da tecnologia 5G (Setecidades, ontem). Isso porque em 2019 a Prefeitura sancionou lei que visa facilitar a instalação de antenas em prédios da administração municipal. Essa simples ação fez com que representantes de Barueri, na Grande São Paulo; Patos de Minas, Minas Gerais, e até da Assembleia Legislativa do Paraná viessem conhecer a iniciativa andreense. Diante disso, chego a duas conclusões:ou estes dois municípios e Estado possuem dirigentes sem a mínima criatividade, ou boa parte do País não está preparada para essa inovação, que segundo o governo federal, chega no próximo ano e deixará a internet até 100 vezes mais rápida que nos dias atuais.

Marcos Santos
Rio Grande da Serra

Ameaças

Fernando Machiori é um trabalhador do futebol. No Grande ABC, foi campeão da Série A-2 do Paulista com o Santo André, em 2019, e dois transferiu-se para o Água Santa. Seu emprego mais recente foi na Portuguesa de Desportos, da Capital. deixou o comando da Lusa após eliminação para o Caxias, na Série D do Brasileiro. Não porque os dirigentes do clube tivessem perdido a confiança em seu trabalho, mas sim porque iontegrantes da torcida fizeram duras ameaças e ele a sua família. Assustado, preferiu pedir o boné e procurar outro local para exercer seu ofício. Fez bem, pois se estes bandidos disfarçados de torcedores têm seu contato, muito provavelmente conseguiram com dirigentes do clube. Caro Marchiori, se quiser tem vaga no Ramalhão, que dispensou o Wilson Júnior.

Mário A. Souza
Santo André 

Vacina

Será que o presidente Bolsonaro não fez igual ao seu ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, e tomou as vacinas escondido? Ele proibiu a divulgação de sua carteira de vacinação. Mas agora, se tomou deve ficar preocupado, afinal o seu ministro da Saúde. Marcelo Queiroga, também tomou as vacinas e pegou Covid.Que parvo!

Tania Tavares
Capital

Milagre da música

Emocionante a notícia relatada por este Diário na última semana sobre a devolução de um saxofone que foi levado por bandidos junto com um carro que roubaram na porta de uma igreja de Santo André (Setecidades, dia 24). Além do ressarcimento do instrumento musical, os meliantes ainda mandaram um bilhete pelo qual pedem perdão a Deus pela falha. Tomara que realmente estas pessoas tenham sido tocadas pela graça divina e que este tenha sido o derradeiro ato de uma carreira criminosa.

Maria Auxiliadora Rocha
Mauá

Movimentação estranha

Atenção Prefeitura de Santo André. Há uma movimentação estranha ocorrendo quase todas as noites na Rua Catequese, nas proximidades da Alameda Francisco Alves e Rua David Campista. Pelo burburinho, com carros, motos e muitas pessoas, é quase certeza que trata-se de uma balada clandestina ou pancadão. É sempre bom lembrar que a opandemia ainda não foi superada e que a cidade mantém regras de restrição. Eventos como esse são potenciais disseminadores da Covid-19 e precisam ser coibidos.

Júlio Santos
Santo André



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;