Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Com gol histórico de Fred, Fluminense ganha do Red Bull Bragantino e cola no G6



26/09/2021 | 18:37


O Fluminense aproveitou o fato do Red Bull Bragantino ter poupado os titulares pensando na Copa Sul-Americana e ganhou por 2 a 1, neste domingo, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Fred abriu o placar e se tornou o segundo maior artilheiro da história da competição nacional, com 155 gols.

Invicto há sete partidas, o Fluminense chegou aos 32 pontos e subiu para a oitava colocação. Já o Red Bull Bragantino não ganha há quatro rodadas, mas continua em quinto lugar, com 33. Nesta quarta-feira, o time paulista busca a vaga na final da Sul-Americana depois de ter vencido em casa o Libertad-PAR por 2 a 0.

O Fluminense começou a partida em cima, mas quem deu o primeiro susto foi o Red Bull Bragantino. Aos sete minutos, Helinho arriscou de fora da área e Marcos Felipe mandou para escanteio. A resposta tricolor veio quatro minutos depois e foi mortal. Luiz Henrique roubou a bola no campo de defesa, desceu em velocidade e tocou para Nonato, que cruzou rasteiro. Sem goleiro, Fred abriu o placar e se tornou o segundo maior artilheiro da história do Brasileirão.

O Red Bull Bragantino ficou perdido e viu o time carioca quase ampliar. Aos 28 minutos, Calegari bateu cruzado, a bola desviou no meio do caminho e acertou a trave de Julio César, que na sequência fez boa defesa em finalização de Yago Felipe.

Depois das chances perdidas, o Fluminense ampliou aos 43 minutos. Caio Paulista escapou em velocidade pela direita e tocou para Luiz Henrique. O atacante dominou, cortou dois marcadores e encheu o pé no ângulo de Julio César.

Na volta do intervalo, o Fluminense baixou a guarda e viu o time paulista perder uma grande oportunidade de diminuir o placar aos 15 minutos. Léo Realpe cruzou para a área e Gabriel Novaes cabeceou rente à trave de Marcos Felipe.

No minuto seguinte, não teve jeito. Gabriel Novaes ajeitou e Helinho, de fora da área, mandou de primeira no ângulo. O Fluminense só foi chegar com perigo no segundo tempo aos 30. André arriscou de longe, a bola desviou no meio do caminho e Julio César fez a defesa em dois tempos.

O Fluminense chegou a marcar o terceiro aos 34 minutos com Gabriel Teixeira, mas o gol foi anulado pelo VAR por causa de impedimento de Bobadilla.

Pela 23.ª rodada, os dois times voltam a campo no próximo final de semana. O Fluminense enfrenta o Santos, no domingo, às 18h15, em Santos, e o Red Bull Bragantino recebe o Corinthians, no sábado, às 19 horas, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 2 x 1 RED BULL BRAGANTINO

FLUMINENSE - Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; André, Nonato (David Braz) e Yago Felipe (Martinelli); Caio Paulista (Jhon Arias), Luiz Henrique (Gabriel Teixeira) e Fred (Bobadilla). Técnico: Marcão.

RED BULL BRAGANTINO - Julio César; Weverton, Léo Realpe, Natan e Luan Cândido (Guilherme); Emiliano Martínez, Cristiano (Praxedes) e Vitinho (Weverson); Helinho (Alerrandro), Gabriel Novaes (Hurtado) e Pedrinho. Técnico: Maurício Barbieri.

GOLS - Fred, aos 11, e Luiz Henrique, aos 43 minutos do primeiro tempo; Helinho, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Nonato e Martinelli (Fluminense); Léo Realpe e Gabriel Novaes (Red Bull Bragantino).

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;