Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Santo André tem mais três córregos livres da poluição

Angelo Baima/ Divulgação/ PMSA Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Investimento em coleta de 3.500 imóveis impede que esgoto chegue aos cursos d’água Beraldo, Bahamas e Capuava


Da Redação
Do Diário do Grande ABC

23/09/2021 | 00:01


A Prefeitura de Santo André e a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) finalizaram ontem o processo de despoluição dos córregos Beraldo (Campestre), Bahamas (Jardim das Maravilhas) e Capuava. As entregas fazem parte das atividades para comemorar os dois anos da chegada da companhia a Santo André.

“Nós pensamos na qualidade de vida, na boa gestão e na sustentabilidade. Independentemente de a obra não aparecer fisicamente não é por isso que ela deixa de ser importante”, afirmou o prefeito Paulo Serra (PSDB).

Os córregos Beraldo, Bahamas e Capuava estão livres da poluição causada pelo esgoto depois de a Sabesp ampliar a coleta para 3.500 imóveis, beneficiando cerca de 14 mil moradores da região. Com isso, mais 26 litros por segundo de esgoto passaram a ser enviados para tratamento, atendendo diretamente os bairros Campestre, Santa Maria, Jardim Vila Alpina, Vila Guiomar, Jardim das Maravilhas, Jardim Alzira Franco, Parque Capuava e Polo Petroquímico de Capuava.

Antes, a Sabesp já havia despoluído os córregos Itrapoã (Cidade São Jorge), Utinga, Comprido (Vila Curuça) e Cassaquera (Condomínio Maracanã), resultado das obras executadas desde que a companhia assumiu os serviços de saneamento em Santo André e que já haviam elevado o índice de tratamento de 42% para cerca de 60%. Com os serviços que despoluíram os três córregos agora entregues, o índice de tratamento de esgoto de Santo André passa a 65%, aumento de 23 pontos percentuais em dois anos. 

Quando a Sabesp assumiu os serviços de água e esgoto do município, Santo André tratava 441 litros de esgoto por segundo, atendendo 189 mil moradores. Com a conclusão das obras que despoluíram os sete córregos já beneficiados, o volume tratado aumentou em mais 236 litros por segundo, alcançando outros 233 mil moradores de Santo André. Com isso, a população atendida pela coleta e tratamento de esgoto chegou a 422 mil andreenses e o total de esgoto tratado passou para 677 litros por segundo.

Para obter esses resultados, a Companhia fez 14,3 mil novas ligações de esgoto e implantou 2.500 quilômetros de redes de esgotamento sanitário a fim de atender a população. A Sabesp também está executando obras no Parque Central e nos córregos Guarará, Dona Laura, Jardim Santo André e Sigma. Ainda em 2021 serão entregues despoluídos os córregos Sorocaba, Jundiaí e Maurício de Medeiros. Os investimentos nas obras realizadas e em andamento totalizam cerca de R$ 76 milhões. A meta para 2022 é chegar a 75% de esgoto tratado no município.

A ampliação do esgotamento sanitário tem impacto direto na qualidade de vida de Santo André e beneficia o meio ambiente. A despoluição dos córregos também contribui para o Projeto Tietê, ao reduzir o volume de esgoto que chega ao principal curso d’água paulista por meio do Rio Tamanduateí. 

A Sabesp iniciou segunda-feira as obras de implantação do sistema que vai coletar e tratar o esgoto gerado no Recreio da Borda do Campo. Os trabalhos preveem a instalação de quatro estações para bombeamento do esgoto e redes, com investimento de R$ 15 milhões para beneficiar os 10 mil moradores do bairro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;