Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Incógnita, S.Caetano encara Lusa em estreia pela Copa Paulista

Leonardo Lima/ AD São Caetano Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Completamente reformulado, time comandado por Max Sandro é cercado pela expectativa da estreia profissional do artista MC Livinho


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

17/09/2021 | 00:01


Campeão em 2019, o São Caetano inicia hoje sua trajetória na Copa Paulista, às 15h, contra a Portuguesa, no Estádio Anacleto Campanella, em condição completamente oposta àquela. Quando levantou o título, há dois anos, o Azulão tinha equipe que já jogava junta havia algum tempo e o resultado foi o inédito troféu adicionado à galeria. Agora, entretanto, a situação é outra: rebaixado no Paulistão no primeiro semestre, está sob comando de novo gestor e investidor, caso do CEO Manoel Sabino Neto, vem sendo treinado pelo ex-jogador Max Sandro e tem time completamente reformulado, que conta com atletas experientes, como o goleiro Luiz, o zagueiro Max (único do grupo presente na conquista de 2019) e o meia Marcelinho, mas também surpresas, casos do artista MC Livinho (em sua primeira incursão profissional) e dos filhos de Marcelinho Carioca, Matheus e Lucas Surcin. Assim, a expectativa sobre o desempenho do representante são-caetanense é uma incógnita.

Entre todo o elenco, quem mais atrai holofotes é justamente MC Livinho, ou Oliver, como o atacante quer ser chamado em campo. O Azulão abriu as portas para o cantor poder viver seu sonho de ser jogador e ele vem correspondendo, ganhando elogios dos companheiros e também de Max Sandro. <EM>

“A gente tem visto um esforço muito grande de estar inserido no processo. No último jogo treino (contra o Primavera), ele que fez o gol, tem sido decisivo e isso é importante. Ele tem encarado como um grande desafio, o que tenho feito é ajudá-lo. Vou usá-lo da maneira que achar importante para o grupo, não posso colocá-lo como o cara que vai resolver. Não é isso. Temos o comprometimento com todos e estamos trabalhando”, declarou, ao GE, o treinador.

O comandante ainda celebrou a fase de preparação do time e, apesar de admitir que ainda são necessários ajustes, elogiou o comprometimento do elenco. “Entendeu e abraçou nossa forma de atuar e como buscaremos propor o jogo durante a Copa Paulista”, destacou.

Max Sandro preferiu manter em sigilo total o time que iniciará o duelo contra a Portuguesa. Já a Lusa, que estreou vencendo o Juventus, deverá utilizar time alternativo já que, amanhã, enfrenta o Caxias no jogo de volta do mata-mata da Série D. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;