Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

tecnologia@dgabc.com.br | 4435-8301

Jogos online: grupo brasileiro quer expandir pôquer no Nordeste

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Da Redação
Do 33Giga

02/09/2021 | 05:48


A discussão sobre a viabilidade de construção de cassinos e alteração na legislação brasileira no que diz respeito à liberação aos jogos de azar tem crescido nos últimos anos. A prática, que é proibida desde 1946, tem sido cada vez mais procurada por brasileiros, que se abrigam em plataformas estrangeiras para saciar a necessidade de realizar apostas online. Para outros, mais abastados, a saída pode ser uma viagem a Las Vegas ou Punta Del Este, por exemplo, cidades onde a jogatina é permitida.

Quer ficar por dentro do mundo da tecnologia e ainda baixar gratuitamente nosso e-book Manual de Segurança na Internet? Clique aqui e assine a newsletter do 33Giga

Enquanto o tema jogos de azar é debatido no Congresso Nacional e também no Ministério da Economia, algumas iniciativas vão sendo viabilizadas. A ideia é mostrar que atividades relacionadas aos jogos de azar e apostas, como pôquer online com um computador, podem ser importantes para a sociedade. Além disso, um investimento no setor ajudaria a economia do país em setores diversos, como hotelaria e turismo.

Leia mais:
Canal no YouTube publica filmes clássicos em domínio público
Mubi: conheça o serviço de streaming focado em filmes clássicos

Essa é a proposta por trás da iniciativa do o grupo NBP (Nordeste Brasil Poker), que pretende levar a paraísos nacionais, como Fernando de Noronha, Porto de Galinhas, Pipa, Jericoacoara, São Miguel do Gostoso, Lagoinha e Morro Branco, uma série de eventos e torneios de pôquer para fortalecer a modalidade no país.

“O NBP nasceu pra juntar tudo, poker live e online andando de mãos dadas, vamos trazer novidades para o mercado, só tem craque nesse time”, revelou recentemente o presidente da Federação Pernambucana de Poker, Eloy Vasconcelos, que é um dos idealizadores do projeto na região.

Se você tem alguma dúvida sobre tecnologia, escreva para  e suas questões podem ser respondidas

Alan Guion, sócio do Ax Poker Club, mais longínquo da região, é uma das lideranças do NBP: “é um projeto grande, que vai abranger o Nordeste todo. Estamos criando uma marca que irá fazer muito barulho nos próximos anos”, afirmou o empresário em entrevista ao site Mundo Poker.

As articulações em torno do projeto a respeito de jogos de azar receberam o apoio da Federação Paraibana de Poker, por meio do seu vice-presidente, Arthur Moreira. O dirigente exaltou o evento proposto pelo grupo, que será realizado em Campina Grande. Segundo Moreira, a aproximação entre os dirigentes do setor certamente terá impacto positivo para a modalidade.

Além dos eventos presenciais que prometem atrair jogadores de todo o Brasil, a NBP também terá sua própria liga online para integrar os interessados de todo Brasil que acreditam na exploração do poker online e no potencial turístico da região.

“A NBP vem para mostrar ao mercado de poker sua capacidade de se adaptar às rápidas mudanças do mercado, e promoverá o que há de melhor na experiência de jogar poker live, e também online”, disse o CEO do projeto, Kenedy Lima.

Lima disse que mesmo em um momento no qual a pandemia ainda se faz presente, a ideia é impulsionar os eventos utilizando uma estrutura online e que faça o projeto chegar a mais pessoas, em diversos lugares do país, e que estejam interessadas em jogar pôquer ou conhecer melhor a prática.

“O modelo de negócio do NBP é muito atrativo, e nós criamos ouvindo as principais dores dos atuais empreendedores do mercado, e esperamos contar com grande apoio em todo o Brasil para um rápido crescimento desse projeto, que unirá o melhor do live e do online através do potencial turístico de nossa região”, disse.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;