Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 29 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Doria anuncia 3ª dose da vacina contra Covid em pessoas com mais de 60 anos

Tânia Rego/Agência Brasil Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


25/08/2021 | 13:10


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta quarta-feira (25), que a aplicação da terceira dose da vacina contra covid-19 para pessoas acima de 60 anos começará a ser aplicada a partir do próximo dia 6 de setembro. De acordo com o governador, as discussões sobre o tema foram finalizadas nesta manhã.

Doria já havia adiantado o anúncio sobre a decisão do governo a respeito do tema. Pela manhã, o tucano tinha afirmado, durante entrega de vacinas ao Ministério da Saúde, que a decisão seria anunciada apenas na sexta-feira (26). O comunicado acontece após o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciar, também nesta manhã, a aplicação da terceira dose para imunossuprimidos e idosos a partir de 15 de setembro.

De acordo com o coordenador do centro de contingência da covid, Paulo Menezes, a aplicação da terceira dose da vacina acontece como a adoção de "um passo a mais na segurança" da população mais vulnerável em meio ao avanço da variante Delta no País.

O coordenador do centro de contingência, João Gabbardo, ressaltou que os índices epidemiológicos do Estado continuam a melhorar, mesmo com o avanço de casos da variante delta. "Não temos nenhum tipo de alteração nos indicadores por consequência do aparecimento dessa variante até o presente momento", disse. Gabbardo afirmou que tanto a antecipação da segunda dose da vacina, quanto a aplicação da terceira dose do imunizante são medidas tomadas com base na observação do avanço da variante em outros países.

Dados

O Estado de São Paulo registrou nesta terça-feira (24) média móvel de 196 mortes por covid-19 por dia. Na comparação com 14 dias anteriores, a tendência voltou a ser de queda, após duas semanas em estabilidade. As internações também seguem em declínio. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no Estado hoje é de 38,5%; na Grande São Paulo, está em 37,2%. Em termos absolutos foram registrados 4.222.902 casos de covid-19 durante toda a pandemia, com 144.510 óbitos.

O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil chegou a 125.339.734 ou 59,19% da população total. Em termos proporcionais, São Paulo continua como o Estado que mais vacinou até aqui: 71,95% dos habitantes receberam ao menos a primeira dose. Mato Grosso do Sul apresenta a maior porcentagem de imunizados: 41,32% da população recebeu as duas doses ou um imunizante de aplicação única.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;